Avaliações

Avalie Israel

  1. Pymtz Ilenir Garcia
    há 13 dias
    9,0
    Bom

    O Guia Brasileiro em Israel é de mais
    Super atencioso,sabedor dos assuntos,educado e fácil de trabalhar.
    Sua foto no mar Morto ê de mais

    Ficar pouco tempo

    Seja o primeiro a comentar essa avaliação. Cadastre-se ou faça login.

  2. Missing Silvia regina calixto
    Brasilia - DF há 3 meses
    10,0
    Bom

    Obrigado a melhores destinos por recomendar o melhor guia de Israel Samuel o único Guia Brasileiro em Israel com 4 Merecidos títulos de excelência.Israel sem Samuel não é a mesma.Parabens!!!

    Avaliacao-israel
    Seja o primeiro a comentar essa avaliação. Cadastre-se ou faça login.

  3. 10,0
    Bom

    O Guia Brasileiro em Israel nos atendeu commuito profissionalismo,carinho,conhecimento.parabens acseu trabalho e a melhores destinos

    Israel um destino caro se nao estiver com guia fica mais caro

    3 comentários

  4. 2qtr3 Luiz Jurek
    há mais de 1 ano
    10,0
    Bom

    Cidade, Limpa, organizada, Tel Aviv lembra Rio de Janeiro. Segurança foorte, em todo o lugar você é revistado (Shopping, Restaurantes, Bares, Supermercados, Drogarias).

    Atentam-se dia útil lá em Israel é de Domingo a Quinta. Uma das primeiras informações que um turista que viaja a Israel precisa ter é a de que lá a semana começa no domingo, que é um dia útil como qualquer outro, e termina na quinta-feira. Portanto, sexta-feira e sábado são o final de semana no país.

    O dia judaico começa no crepúsculo e vai até o pôr do sol do dia seguinte. O descanso de Shabat, ordenado a todos os judeus no Antigo Testamento, tem início no pôr do sol de sexta-feira e vai até o final do dia de sábado. Domingo, em hebraico, é Yom Rishon, que significa “primeiro dia”. É como se fosse a segunda-feira no Brasil. Os bancos abrem, o comércio funciona, todos trabalham e estudam. Observem os feriados Judaicos em cidades religiosas (Jerusálem, no caso) onde tudo fecha no Shabat "Sábado" e verá poucos carros e pessoas na rua, parecendo uma cidade abandonada.

    Transporte de Trem entre as principais cidades, poderá usar entre (Tel Aviv, Jerusalém, Haifa, Ben Gurion Airport, Beer Sheva). Uma pena que Eilat no extremo sul de Israel ainda não há trem, só restando encarar ônibus de 6 horas ou Trem até Beer Sheva por uns 90 minutos e mais 3 horas e meia de ônibus até Eilat.

    Quando visitei Israel e via pessoas paradas nas estradas, pedindo carona, confesso que achei bem estranho. Hoje já estou acostumado e sempre que necessário, ofereço ou pego carona também. É uma gentileza. Não há qualquer preconceito. Só tem que deixar bem claro para onde vai e se não for o caminho do motorista, ele te dirá não, sem cerimônia. Claro, tudo isso em Inglês fluente ou Hebraico (caso saibam).

    O café da manha israelense é bem diferente do brasileiro. Nada de frutas, bolo ou pão com manteiga. É composto de ovos, pode ser omelete, mexidos, como você preferir, pão, alguns tipos de queijo, salada (de pepino e tomate é a mais tradicional), salmão ou atum, suco e café. Para nós brasileiros, parece mais um almoço light não é mesmo? E se você estiver em hotel, prepare-se: será tanta comida que você não saberá por onde começar!

    Embora a maior parte da população de Israel seja judia, não podemos afirmar que todo israelense é judeu. Existem israelenses muçulmanos, cristãos e drusos, por exemplo. A maior minoria étnica é formada pelos chamados árabes israelenses. Logo, é possível ouvir nas ruas, e até com frequencia, varios idiomas (Ingles, Espanhol, Russo, Alemão, Francês) até Etiopes de origem Judaica moram em Israel.

    Transporte de trem atende uns 60 a 70% de Israel, até o seu destino final terá que pegar um taxi ou ônibus ou completar a pé.

    1 comentário

  5. Txmnx Eduardo Paci Galvão
    há quase 2 anos
    10,0
    Bom

    Jerusalém é demais! Que show! Em geral, gostei da organização, infraestrutura, segurança e por aí vai. Sempre achei que era um destino impossível, pois teria de ser em grupo, etc, o que é absurdamente caro.
    Mas, fui sozinho pela promo da Air Canada e gastei pouquíssimo! Não me arrependei.

    Passei 2 shabats e o Yom Kippur lá. Tudo fecha mesmo, sendo que no Yom Kippur nem o aeroporto funciona. Embora seja bacana ver a devoção do judeu com estes dias (não em Tel Aviv, bem diferente...), isto acaba atrapalhando um pouco a programação, principalmente de quem vai ficar pouco tempo.

    Seja o primeiro a comentar essa avaliação. Cadastre-se ou faça login.

  6. Photogrid1432746480311 Samuel Ben Zikri
    há 1 ano
    10,0
    Bom

    Unico Guia com certificado de Excelecia 2015 ,2016,2017
    Seja voce tambem bem atendido por um verdadeiro professional .

    Avaliacao-israel
    4 comentários

  7. Camelo Diego Lopes
    Curitiba - PR há mais de 3 anos
    9,0
    Bom

    De muita coisa, desde a parte bíblica em Tiberíades e o Mar da Galiléia até a agitada e truculenta Jerusalém. Para quem gosta de história, lá é um lugar fantástico para entender toda a história da humanidade. O Mar Morto e Qunram são outros pontos imperdíveis. Haifa e o Bahai Garden são outro ponto importante para conhecer. As estradas realmente são ótimas e é incrível ver as plantações de Tâmaras e Bananas no meio do deserto, Tecnologia de primeiro mundo. Espero ir um dia pela terceira vez.

    Jerusalém é uma cidade em que as pessoas são mal humoradas, entendo que pelo conflito que vivem entre judeus e árabes isto acaba sendo natural. A vibração de Jerusalém é um pouco pesada pelo clima de tensão que todos vivem e pelas muralhas que separam a palestina da cidade. Alugamos um carro e fomos em 4 pessoas, entramos em bairros árabes por engano e vimos suásticas nazistas entre outros nos locais, logo não recomendo para quem é aventureiro de primeira viagem ir sozinho ou em poucas pessoas.. recomendo ir em excursão. Por sorte, era minha segunda vez em Israel e consegui conduzir meus pais e meu irmão em uma viagem "tranquila"..

    1 comentário

  8. Zzxky Felipe Silva
    há mais de 3 anos
    10,0
    Bom

    Um país de primeiro mundo. Sensação de segurança ao andar nas ruas e viajar pelas estradas do país. Muita coisa moderna e organizada. Um lugar mais impressionante que o outro.

    Avaliacao-israel Avaliacao-israel
    1 comentário