Camille Panzera
Camille Panzera

  1. Avaliações de Vitória 264mw Camille Panzera
    Vila Velha - ES há 7 anos
    7,0
    Bom

    Vitória é bonita, tem morros, ilhas e diversos parques arborizados. O trânsito nem sempre é fácil mas está longe de ser complicado como em outras capitais. Uma grande vantagem da cidade é que se pode comer muito bem sem gastar tanto dinheiro.
    Não dá para ir a Vitória sem visitar Vila Velha, que também é uma cidade importante para o ES.

    A estrutura turística da cidade ainda é muito crua e apesar de ser conhecida pelas praias, as praias das cidades vizinhas da Grande Vitória são bem melhores do que as da própria capital.

    Comentários da avaliação

    • 31122009033 Monique Freitas há quase 7 anos

      Tenho parentes em Vitória, basicamente minhas viagens são 2 vezes ao ano, mas a cidade tem boa pavimentação, em contra partida o entrosamento com os nativos são complicados, a comunicação é quase nenhuma.

    • Tata Bia Amorim há quase 7 anos

      Concordo! Os nativos realmente tem uma grande dificuldade de socialização!

    • 264mw Camille Panzera há quase 7 anos

      Na minha opinião, a colonização italiana e alemã são os fatores principais pra essa introversão das pessoas do ES. O ES ainda é um estado bastante conservador, interiorano, sem grande intercâmbio de pessoas.
      Ter sotaque italiano, usar palavras italianas, ou ver gente que fala pomerano quando em família é comum por aqui, principalmente entre os mais velhos. Não acho que seja culpa de quem aqui vive, e sim, uma consequência de sua colonização. Talvez se vocês fossem para esses países, sentiriam a mesma dificuldade que veem aqui. :)

    • Tata Bia Amorim há quase 7 anos

      Eu já fui para Alemanha diversas vezes, tive namorado alemão com quem me relacionei por 5 anos e confesso que a família dele e meus amigos alemães e austriacos são mais sociáveis do que os brasileiros descendentes de europeus. Tenha a impressão ás vezes que por serem descendentes eles querem tentar imitar uma cultura de introversão que nos dias atuais não se aplicai mais...sobretudo entre os europeus mais jovens da Europa.

    • Tata Bia Amorim há quase 7 anos

      E a calonização daqui faz mnuuuuuuuuuito tempo que aconteceu para eles qianda continuarem com a cultura da introversão! Estamos no Brasil e isso não é desculpa. Um Europeu legitimo que se muda para o Brasil em meses se socializa mais rapidamente que estes descendentes. Sinto dizer isso.....mas é verdade.

    • 264mw Camille Panzera há quase 7 anos

      Talvez não seja para imitar, e sim para tentar conservar seus hábitos, que é uma coisa muito frequente nas pequenas cidades. Chega a ser bizarro... tem gente no Espírito Santo que não fala português.
      A massa européia veio ES em meados do séculos XIX, isso não faz tanto tempo, na minha opinião... A escravatura foi abolida um pouco depois disso e nem por isso deixou de haver preconceito com os negros.
      Não é bem questão de "desculpa", e sim, de fato. O mesmo ocorre no RS.

    • Tata Bia Amorim há quase 7 anos

      Sim eu sei disso....e é um tipo de alemão que segundo a minha professora de alemão ela desconhece e mal entende o que eles falam.... Acabaram criando um dialeto proprio ao longo dos anos que não existe na prática no país europeu. Quando eu me refiro a desculpa é porque assim como ocorre no RS, eles querem bater mo peito dizendo que mantem a cultura de seus descendentes europeus e que querem respeitar a "cultura europeia" achando que o que fazem é o certo e o que condiz com a realidade atual...No RS isso com certeza mil vezes pior que aqui pois eles são de fato racistas se achando superior ao resto do Brasil. Os europeus legitimos são mais amistosos, amigaveis e infintamente toleráveis do que os "tupiniquins" gaúchos.

    • Tata Bia Amorim há quase 7 anos

      Sobre racismo acabei de ler uma matéria muito boa: http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2013/01/26/brasil-um-pais-com-racismo-mas-sem-racistas-por-zuenir-ventura-483943.asp

    • 264mw Camille Panzera há quase 7 anos

      Acho que ela deve se referir ao pomerano, que segundo dizem, só se fala no Espírito Santo.
      De toda forma, concordo com você... a comunicação no estado é complicada, os comportamentos, por vezes são primitivos, introvertidos e até grosseiros.
      Enfim, quis explicar a origem disso. Acho que as mudanças, em quase todos os aspectos (incluindo racismo e esse "porém" da colonização), só poderão ser sanados de vez com novas gerações. E assim, esses pensamentos retrógrados ficarão só na história...

    • 40329627073002633157746888775n Vitor há quase 7 anos

      Acho que tem que se levar em conta que os imigrantes europeus chegaram no ES e ficaram isolados por muito tempo. Por isso eles tem uma cultura um pouco fechada. Eles foram trazidos para o Brasil e depois esquecidos. Passando por dificuldades diferentes das de seus países.

    • Missing Edvander Araujo Nepomuceno há 2 anos

      Em primeiro lugar, a introversão não é uma mal em si mesmo. É ingênuo escalonar as pessoas pela introversão e extroversão. Segundo é que concordo com a ideia de que a influência da imigração (e não da colonização) italiana e alemã exercem até nos dias de hoje certa introversão em nós capixabas, mas há outros problemas culturais e comportamentais em diversos estados brasileiros. Os curitibanos são bem mais introvertidos que nós capixabas e os moradores de Salvador (estou falando dos não pedintes) ficam pedindo dinheiro de mais nas ruas. E os cariocas, quais os comportamentos que causam constrangimento ou repúdio por parte dos de outros estados? Não é difícil de encontrarmos pessoas dizerem que os cariocas sejam "arrogantes", embora sejam acolhedores. Cada estado e cidade com seus costumes, devemos respeitá-los e compreendê-los, embora não precisamos de aceitá-los! Ideia retrógrada? A falta do entendimento que a história e a cultura exerce sobre o homem é bem é bem retrógrado! Por outro lado, Vitória possui 370 mil habitantes e a grande Vitória 2 milhões, não temos como pôr todo mundo na mesma caixinha. O terceiro ponto que quero ressaltar é que a cidade de VIX vem crescendo no segmento do turismo. Essa cidade possui excelentes restaurantes, hotéis e a paisagem dessa capital é lindíssima. No entanto, estou ciente que as suas avaliações dizem respeito há cinco anos e algumas de suas ideias podem ter mudado.

    Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.