Laíse Santos
Laíse Santos

Avaliações



  1. Avaliações de San Andrés Ar3nm Laíse Santos
    Belo Horizonte - MG há mais de 3 anos
    10,0
    Bom

    Saí de Belo Horizonte no dia 26/01 com conexão no Panamá pela cia aérea Copa Airlines. Já no momento do checkin em BH me ofereceram a Tarjeta Turística pelo valor de 103 reais, pago somente no dinheiro. Perguntei se as bagagens só seriam retiradas no destino final e fui informada que sim, como já sabia dessa possibilidade fui com uma mala pequena com algumas roupas para passar a noite no Panamá.

    Panamá – Cheguei no Panamá as 17:06, como ia sair do Aeroporto fui até a imigração, achei o aeroporto muito cheio, fomos seguindo as plaquinhas e conseguimos encontrar a imigração tranquilamente. O processo foi rápido e fomos esperar o Transfer gratuito do Hotel Riande Aeropuerto (http://riandehoteles.com/aeropuerto/ ) que também foi bem rápido. O hotel é muito bonito, excelente localização (muito próximo ao aeroporto) bem limpo, as pessoas da recepção não foram comunicativas e nem receptivas, a área de lazer e fantástica pena que não podemos aproveitar pois só passamos a noite, possui um restaurante com excelente comida, os preços são altos devido à alta do dólar, nosso Jantar deu 68 dólares com cervejas acho que umas 4 (rs). Não saímos do hotel, pois como já disse só passamos a noite, mas confesso que ficamos com muita vontade de conhecer os pontos turísticos, então para quem ainda não comprou as passagens, a dica é tentar pegar conexões longas durante o dia, para que possa aproveitar e conhecer um pouco outro País.

    No dia 27/01, fomos para San Andrés as 11:19, voo muito rápido nem deu tempo de servir lanche para todos. A Imigração em San Andrés demorou um pouquinho, mas nada fora do normal. Tem duas casas de câmbio no aeroporto de AS, assim que você sai da imigração e uma praticamente do lado, a cotação estava 1 real = 700 cops / 1 dólar = 2950 cops, não trocamos só passei para pesquisar mesmo. Pegamos um taxi até o GHL por 15.000 cops. Não me assustei com nada, pois já tinha ciência da simplicidade da ilha. Também não vi nada pior do que vejo todos os dias (sou Assistente Social então podem imaginar).
    Chegamos no GHL mais ou menos umas 13:30, o checkin era só as 15, no entanto passamos na recepção para adiantar o processo, tinha algumas pessoas que acredito que estavam no nosso voo, por isso demorou bastante, acabamos de fazer o checkin e fomos almoçar no restaurante do próprio hotel para aguardar a liberação do quarto as 15:00. As opções eram à la carte 34 mil por pessoa para comer à vontade, ou os pratos que variavam de preço. O chato foi que nosso quarto não foi liberado as 15:00, só conseguimos subir já as 15:40, segundo eles estavam tentando ver um quarto com vista para o mar. O quarto que ficamos tinha vista para o mar, mais ficava no 2º andar, de início achei ruim, mas foi bom pois não precisávamos pegar elevador e subíamos bem rápido pelas escadas. Sobre a estrutura do quarto, acho que eles precisam dar uma manutenção, pois a maresia deteriora as maçanetas, o chuveiro, o rodapé, etc. O Ar condicionado super potente, água quente, mas a descarga do nosso quarto parecia uma hiena e o barulho era tenso (risos), essas são observações, eu adorei o hotel e me hospedaria de novo sem problemas.

    Depois fomos ver os valores dos passeios com Naomi no próprio GHL, e fechamos Caio Bolívar para o dia seguinte (quinta) por 180 mil por pessoa para ir de barco. Logo depois encontramos um casal do grupo Gabriela e o love dela que não me lembro o nome, que foram super fofos, nos levando para comprar as sapatilhas, snorkel, cervejas, mms, e até o bancolômbia. Fiz um saque na minha conta Bradesco de 500 reais, e achei péssima a cotação que saiu 695cops por 1 real.
    A noite fomos ao Miss Célia, pedimos uma Limonada de coco e um pescado, mais cerveja, e papas fritas a conta não lembro ao certo mais acredito que deu uns 90 mil.

    Passeios: Fechei todos os passeios no GHL com Naomi, Kramelo Andres Berrio e Jose Narvaez, super recomendo, no entanto aconselho a chorar bastante para que eles melhorem os valores. Amei todos os lugares, mas de um modo geral achei todos os passeios desorganizados, mas nada que me tirassem a tranquilidade.

    Caio Bolívar (28/01) – Fomos de Barco na parte superior, achei muito tranquila a viagem, não passei mal, mas tem pessoas que sim. O barco demora um pouco mais que as lanchas, gastamos 45 minutos para chegar. Quando chegamos não tinha mais guarda Sol para alugar, e foi muito tenso, pois o sol lá é muito forte. As cervejas demoraram a serem liberadas, e algumas pessoas ficaram sem almoço. Resumindo: Caio Bolívar é maravilhoso, lugar incrível, mas o passeio foi desorganizado. Lamento muito pelas pessoas que não conseguiram fazer esse passeio, mais espero que eles tomem medidas para preservação e cuidado do local, pois os responsáveis pelos passeios não se preocupam com isso.

    Aquário, Hanes Cay e Mantarraia “vip” (29/01) – 55 mil por pessoa, 10:00 as 15:00. Fomos conhecer os mangues, depois chegamos no aquário, confesso que me apaixonei, tem muitos peixinhos lindos e a água é bem cristalina, o ruim é que estava bem cheio, acho que o ideal é ir no fim da tarde. A mantarraia foi uma decepção total, só vi duas nas mãos dos guias, mesmo assim é muita gente querendo pegar, tirar foto que você mal consegue chegar perto. Hanes Cay é uma ilha pequena que fica do lado do Aquário e você consegue atravessar a pé, lá e bem decorado com as cores que representam o Reggae, gostei muito de lá, mas fiquei super pouco, acho que vale a pena fica lá tomando sol devido a tranquilidade.

    Johnny Cay (30/01) – 40 mil por pessoa com almoço. No dia que fomos tava muito lotado, mar agitado, ficamos num bar do Giovanni, que era quem nos fornecia o almoço já incluso no pacote, bebidas e outras coisas por nossa conta, amei o atendimento dele, e principalmente o ceviche de camarão de lá. A ilha tem bares, banheiro, cadeiras para alugar, barracas e guarda sol, além de ter muitas árvores mais ao centro. Uma dica: além de dar a volta na ilha que é bem pequena, vá até o meio para ver as iguanas. Além disso do outro lado da ilha é bem mais tranquilo, tem uma piscininha natural, uma pedra linda p tirar fotos. O pior desse passeio foi tentar pegar a lancha para voltar, uma loucura, parecíamos refugiados tentando fugir de um país (risos), mas achei bem perigoso pois tinha muitas ondas, as lanchas mexiam muito, e todo mundo queria subir de uma vez, então imaginem a bagunça!!! Mas vale o passeio.

    Volta na Ilha (31/01) – 140 mil Mule Kawasaki. Ficamos perdidos com aquele mapa, o primeiro lugar que paramos foi Rocky Cay, lugar lindo, ameiiii, gostamos tanto que voltamos outro dia de taxi (15 mil cops). Depois almoçamos no restaurante Punta Sur que tem forma de um barco, possui também uma piscininha que você pode ficar lá consumindo. Nossa conta deu 105 mil, ceviche de entrada, 2 limonadas de coco, cerveja (não lembro quantas) pescado, papas fritas. Achamos a comida sem tempero. Continuamos o passeio e paramos em West View, 5mil a entrada por pessoa, lugar muito lindo, pena que não tive coragem de entrar, cheguei a alugar o colete de pescoço, mas não senti firmeza e subi de novo. Para quem não tem medo e sabe nadar é fantástico. Não passamos na piscinita pois era parecido com West View segundo relatos e fotos, e nem no olho soprador, porque para falar a verdade nem vi (risos).
    Não fiz o Parasail porque a lancha tinha quebrado!!! Concertaram no penúltimo dia, e não conseguimos fazer por termos outras programações. 
    Restaurantes: Só comemos em restaurantes, faixa de valores entre 80 a 140 mil. E possível economizar com comida, no nosso caso gostamos muito de apreciar a gastronomia. Uma dica a maioria dos pratos servem duas pessoas, as vezes pedíamos uma porção a parte de papa fritas ou arroz.

    Miss Célia: Fomos duas vezes, para quem gosta de pescado é um bom lugar, nossas contas deram 90 mil um dia e 140 mil no dia que almoçamos, pedimos dois pratos e um pescado, 2 limonadas de coco e 2 refrigerantes. Único lugar que achei feijão!!! 

    Bocca de Oro: Amei esse lugar!!! Quem não é tão fã de frutos do mar vai se encontrar nesse restaurante. Fomos 2 vezes, indico o Filet (corte francês) aparato com tocinetta, gente foi um dos melhores que comi, o ceviche de peixe peruano. Mas o cardápio é bem variado e a comida bem temperada. Valores também na faixa de 90 mil.

    La Regatta: Maravilhoso, lugar incrível. Vive cheio então dependendo do dia é bom fazer reserva para pegar um lugar la fora. Você tem a vista do mar, além de poder ver as arraias e peixes nadando embaixo de você. Pedimos o prato Fiesta Náutica, vem muita coisa e serve duas pessoas tranquilo, nossa conta lá deu uns 140 mil.

    Nikos sea food: Também amei o lugar, vista maravilhosa, almoçamos lá então foi incrível. A melhor limonada de coco que tomei foi lá. Não lembro o que comemos nem o valor da conta, mas sei que foi bom e que foi nessa faixa de 90 mil.

    Beer Station: Ótimo lugar para encontrar a galera!!! Bom para beber e comer petiscos, porções. Não lembro quanto deu a conta (risos).

    Peru Wok: Ótimo lugar e que também possui uma linda vista!!! Fica ao lado no Nikos, no centro. Também não me lembro do que comi e do valor mais sei que foi menos que 100 mil.

    Dinheiro – EU levei 2500 reais em pesos e dólares, saquei mais 500 reais e voltei com 61 dólares!!! A alimentação eu dividi com meu namorado, fiz os passeios descritos acima e algumas comprinhas: Bolsa da Tribo Wayuu 75mil na feirinha do centro, batom MAC 14 dólares (loja da mac), Rum Capitão Morgan 13 dólares, Licor Sheridans 26 dólares (dutt free aeroporto AS), comprei ainda alguns perfumes que não conhecia, comprei no centro vi muita promoção, e trouxe lembrancinhas também.
    Troquei dólar no Bancolômbia, 1 dólar = 3062 cops. Melhor horário para ir trocar e no fim da tarde, o banco funciona até as 19 horas!!! Precisa apresentar o passaporte ou RG com a Tarjeta.

    Gente não lembro de mais nada (risos), qualquer dúvida me escrevam aqui!!! Segue algumas fotos daquele paraíso.

    Beijoooos e boa viagem p tooodos!

    Da desorganização dos passeios.

    Avaliacao-san-andres Avaliacao-san-andres Avaliacao-san-andres Avaliacao-san-andres
    1 comentário

  2. Avaliações de Aracaju Ar3nm Laíse Santos
    Belo Horizonte - MG há quase 4 anos
    8,0
    Bom

    Da Educação das pessoas no transito, das praias lindas, dos preços em conta, do clima.

    Não lembro de nada ruim.

    Seja o primeiro a comentar essa avaliação. Cadastre-se ou faça login.