Miburge Bolivar Gois júnior
Miburge Bolivar Gois júnior

  1. Avaliações de Mendoza Missing Miburge Bolivar Gois júnior
    Aracaju - SE há 2 anos
    10,0
    Bom

    Bom, chegamos agora em Santiago e com certeza deveríamos ficar mais uns 3 dias em Mendoza. Estive por 5 dias com minha esposa Luciana em período de férias. Nossa como foi tudo perfeito. Para dizer a verdade foi tudo TOP TOP TOP porque a cidade é perfeita, com pessoas educadas, amigáveis e com ruas fácil de locomoção, sem contar que os argentinos nos recebem muito bem, podem ficar tranquilos. Mas o principal estava por vir (Toda equipe liderada pelo amigável, educadíssimo e inteligente Leonardo Harth. Ficamos impressionados como tudo funcionou tão tranquilo. Fomos indicados por alguns amigos brasileiros e realmente foi tudo como disseram, especial. No primeiro dia fomos com o falante e gente boa Luciano. Um muchacho que mais parecia um primo próximo de tão gente fina. O cara foi super legal, cheio de boas histórias e verdadeira cultura de Mendoza. Fizemos o vale do UCO (AZUL - ANDELUNA E ALMOÇAMOS NO TUPUNGATO DIVINO - TOP TOP TOP). No segundo dia fizemos o passeio com o Leo, patriarca da equipe, pois ele não admite que as pessoas que trabalham na empresa sejam empregados e sim membros da família. Não precisa nem dizer que tudo continuou em perfeita harmonia. O Leo é um psicólogo que se preocupa com cada detalhe, cada passo que você dará para ser feliz na viagem. Cada dica torna-se imperdível. A atenção e carinho do Leo foram formidáveis. Nesse dia fizemos (PULENTA ESTATE - CARMELO PRATTI - BELASCO DE BAQUEDANO). Ufa!!! A Pulenta Estate tem uma história em minha vida de casado. Eu e minha esposa amamos os vinhos da Pulenta. O Carmelo Patti é um Italiano aposentado, mago dos vinhos, que chamamos de um amante dos vinhos. Ele consegue colocar todas, falei todas, grandes empresas de vinhos de Mendoza no Bolso. Realmente a Zapata, Bosque, El inimigo etc tem grande capital e respeito no mercado de vinhos em toda a América Latina, mas se tirar isso e ficar o amor pelos vinhos só restará o Carmelo Patti. Esse figura é um mago dos vinhos de guarda, sem falar que te conta a verdadeira histórias do mercado dos vinhos de Mendoza, sem curvas e sem papas na língua. Por que um MAGO? O cara entende tudo que se pode entender de vinho e um pouco mais e não se furta de te ensinar coisas mágicas para tomarmos vinhos. Visita imperdível também. O almoço na vinícola Belasco de Baquedano é outra coisa maravilhosa. A sala dos sentidos aromáticos é uma coisa de louco. Que dia perfieto. Para finalizarmos, no último passeio fomos conduzidos pelo querido Johny (Jonathan). Ele é um cara super legal, inteligente e sem meias voltas, do tipo que adora o que faz e sempre com dicas de como agem e pensam os novos habitantes de Mendoza. Neste dia fizemos a vinícola Trapiche, foi boazinha perto das outras mas tem uma história de criação que é o berço dos vinhos em Mendoza. Depois fomos para uma fábrica de colheita, seleção e botique de azeites chamada PASRAI depois fizemos as degustações e almoçamos na El inimigo que é um local fabuloso, um sonho de consumo. Bom, gostaria de deixar claro que faríamos tudo da mesma forma como fizemos. Toda a equipe: Leo, Luciano e Jonhy foram excelentes. Só para vocês terem ideia, acabamos esquecendo no carro que o Jonhy conduzia um encarte que ganhamos na El inimigo e em questão de minutos, assim que ele percebeu, voltou ao hotel que estávamos e entregou na recepção em nosso nome. Um ato de Carinho e respeito conosco. O que tenho a dizer disso tudo! Leo, nossa vida será outra após estes belíssimos dias degustando excelentes vinhos e compartilhando bons momentos com vocês, uma equipe TOP TOP TOP. Miburge Jr e Luciana Monte.

    nada.

    Avaliacao-mendoza

    Comentários da avaliação

    • 6gnfd Pedro Ubiali há quase 2 anos

      Boa tarde. Quanto gastarei, em media, para ficar 5 noite? Valor medio, sem exageros, nem muita economia!

    Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.