Phi Phi

Visitado e escrito por

Yxvzf
Gisela Cabral

Jornalista vivendo uma grande aventura na terra dos queijos, moinhos e tamancos!

Quando foi?

Novembro de 2013

Quem pagou?

Melhores Destinos

Dicas de Phi Phi

Visto (texto do Portal Consular)

Em razão de acordo entre o Brasil e a Tailândia, não é necessário visto para os brasileiros que desejam ingressar na Tailândia a turismo ou negócios, com permanência no país limitada a 90 dias. O passaporte deve ter pelo menos seis meses de validade.

Taxa de entrada

No porto de Tonsai, em Phi Phi Don, é cobrado do visitante um valor de THB 20 - menos de R$ 2 - como taxa para entrar na cidade. Tenha essa quantia consigo.

Dinheiro

Caixas eletrônicos estão espalhados em vários pontos de Phi Phi Don, mas não nas praias mais distantes. Cartões de crédito também são aceitos em alguns restaurantes e bares, mas, na dúvida, sempre pergunte antes. Para saber mais sobre como fugir do IOF e levar dinheiro em viagens internacionais, clique aqui.

Como se locomover

A pé e de bicicleta, para os que desejam explorar os pontos de Phi Phi Don, como bares e restaurantes. Como a ilha é pequena, não é nada difícil achar esses endereços, porém é sempre bom ter em mãos um bom mapa que, em geral, é distribuído gratuitamente pelos hotéis.

Barco (long tail boat), se a intenção é ir a praias de Phi Phi Don um pouco distantes ou impossíveis de serem acessadas a pé, ou de Phi Phi Leh, como a famosa Maya Bay. É grande a oferta de barcos de aluguel na ilha; portanto, vale a pena pechinchar. Em geral, o aluguel de um barco por quatro horas, comportando até quatro pessoas, custa algo em torno de 60 USD a 70 USD; os taxis boats costumam cobrar THB 100 por viagem.

Comida de rua

Comer na rua, junto aos locais, é uma excelente maneira de conhecer melhor e explorar um destino turístico, além de ser barato. Mas é preciso ter cuidado ao optar por esse tipo de alimentação se a intenção é evitar problemas de saúde que estraguem a sua viagem.

Algumas medidas importantes:

- só tome água mineral engarrafada;

- evite o consumo de gelo;

- desconfie sempre de alimentos crus, como frutas, legumes/verduras, peixes - especialmente se estiverem expostos;

- antes de comprar o alimento, observe a higiene do local e a forma de preparo (confie no seu instinto);

- observe também se a barraca/restaurante é frequentado por outros turistas e locais;

- se você sentir qualquer sintoma estranho após ingerir o alimento (como diarreia, febre etc.), procure um médico imediatamente.

Esse texto sobre Dicas de Phi Phi faz parte do guia de Phi Phi no Melhores Destinos

Comentários para Dicas de Phi Phi

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.