Dicas de Roma

Visto

Cidadãos brasileiros não precisam de visto de turismo para permanência de até 90 dias na Itália e em outros países-membros do Acordo Schengen (Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça), porém, no momento do desembarque, serão exigidos por agentes de imigração um passaporte válido e outros comprovantes, como: passagem de ida e volta, comprovante de recursos financeiros, seguro-saúde válido em todos os países-membros do acordo, entre outros.

Roma Pass

Ao adquirir o Roma Pass o visitante passa a ter acesso livre e sem filas a um ou dois museus ou sítios arqueológicos, ao uso de transporte público ilimitado durante o período (com exceção do transporte para os aeroportos), além de descontos diversos em eventos, exibições e serviços turísticos. O cartão está disponível nas versões 48 e 72 horas ao custo de €28 e €38,50, respectivamente.  

O cartão de 48 horas começa a "contar" a partir do primeiro uso numa atração ou transporte público. Na minha opinião, porém, ele não compensa tanto quanto o de 72 horas, a não ser que você visite um dos museus mais caros, faça três visitas de entrada reduzida e use bastante o transporte público. Ainda assim, é difícil encaixar tudo isso em 48 horas. Confira todas as informações sobre o Roma pass e adquira-o com antecedência aqui.

Segurança

Roma é uma cidade segura, contudo a ação de batedores de carteira em áreas turísticas e com uma grande concentração de pessoas exige que o turista fique bem atento. Nunca deixe a carteira no bolso de trás da calça e muito cuidado com bolsas, celulares, câmeras fotográficas e passaportes. Ao utilizar uma mochila, não guarde pertences de valor em bolsos que podem ser abertos com facilidade, caso não tenha outra alternativa, utilize cadeados.

Gorjetas

Oferecer uma gorjeta ao prestador de serviço não é obrigatório e fica a cargo do cliente, até porque esse não é um costume dos locais. Caso você tenha sido bem atendido e queira deixar algo a mais, não precisa exceder os 10%.   

Taxistas

Vai pegar um táxi em Roma? Então preste bem atenção no taxímetro. Com o aumento do turismo na cidade, muitos taxistas passaram a não o utilizar, o que, na maioria das vezes, resulta em uma corrida mais cara. Exija o taxímetro ou acerte o valor da corrida antes. Uma boa solução é utilizar o Uber ou o aplicativo It taxi (com versão em inglês), disponível para Android e iOS. Por meio do aplicativo, é possível chamar um táxi oficial da localidade que você estiver em Roma e até pagar a corrida via Paypal. Muito prático e seguro!

Igrejas e sítios religiosos

Não é permitida a entrada de visitantes usando shorts, saias acima do joelho, ombros de fora e decotes em igrejas e outros sítios religiosos da cidade. Fique atento, pois a fiscalização — principalmente na Basílica de São Pedro — é bem rígida (talvez por esse motivo o comércio de lenços na Praça S. Pedro seja tão forte).

Tours guiados

Esta é uma excelente opção para aqueles que desejam ver cada cantinho da cidade com a ajuda de um guia especializado. Uma empresa bastante elogiada por usuários do mundo inteiro é a Rome City Tours. Para saber mais, inclusive dos tours com guia em português, clique aqui.

Mas caso a intenção seja pagar bem pouco — uma gorjeta ao guia, por exemplo —, a dica é a Rome Free Walking tour, com tours guiados em inglês e espanhol; clique aqui para conhecer os passeios disponíveis, horários e locais de partida.

  • Consulado-Geral do Brasil em Roma

    Nota:  de 10 (0)

    Na página do Consulado-geral do Brasil em Roma, na internet, é possível encontrar uma série de informações úteis. Segundo o órgão, emergências ocorridas durante finais de semana, feriados ou fora do horário de atendimento podem ser comunicadas pelo número +39 333 1184 682.

     

Tudo que você precisa saber sobre Roma!

Esse texto sobre Dicas de Roma faz parte do guia de Roma no Melhores Destinos

Comentários para Dicas de Roma

  • Img0574 Renata Bahia há mais de 5 anos

    quem for visitar Roma e quiser visitar atrações, comprem o Roma pass. Vale muuuuito a pena, principalmente para evitar as filas do coliseu!

  • Missing Daniel há mais de 5 anos

    O Roma Pass é muito bom mesmo. E o Firenze card melhor ainda.. Você fica se sentindo VIP evitando a maior parte das filas.

    Outra dica, em Roma cuidado com os pickpocket (batedores de carteiras). Mês passado fiquei sem a minha quando andava de TRAM (Mistura de bondinho e trem). Ainda bem que o passaporte e o celular estavam em outro bolso.

    Falando em celulares, este site: http://www.neoage.com.br/2013/07/planos-pre-pagos-de-celular-com.html, tem umas dicas interessantes de planos pré-pagos na Itália, para você poder ficar sempre conectado e por um preço justo.

    []s Daniel

  • 1444090511002909933406688316082523706570388n Gregor Gatti há 1 ano

    Conheca roma essa linda cidade onde o passado e a historia e contado no presente em forma de arte com a compania de um fotografo profissional e registre tudo atraves de belas fotos. Passeio fotografico gratis www.fotografosemroma.com

  • 2w7py Lucas Rodrigues há 10 meses

    Bom dia Galera!

    queria partilhar com vocês meu amor pela Itália

    http://ventoquelevaa.blogspot.com.br/2018/02/roma-inspiracao-para-vida-o-melhor-de.html

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.