Joanesburgo

Transportes em Joanesburgo

Pensar nos meios de transporte e saber como lidar com eles antes de chegar à cidade é uma boa vantagem para não cair em enrascadas. O transporte público local, mesmo com o Gautrain, deixa um pouco a desejar, os táxis são complicados de lidar e as caminhadas só funcionam para pequenas áreas, pois a cidade é muito espalhada. O Gautrain, moderna rede de trens, é o grande destaque de Joburg, porém é preciso saber que ele atende apenas uma pequena área da cidade.

Nossa sugestão: alugue um carro e você terá facilidade para circular pela cidade e pelas atrações que estão nas redondezas. 

A pé
Caminhar está longe de ser uma maneira eficiente ou segura para circular por Joanesburgo. A cidade é grande e as pessoas não têm o hábito de caminhar - parte devido à insegurança e parte porque as distâncias são grandes. As caminhadas são aconselhadas apenas durante o dia e em áreas específicas, como Melrose Arch e Sandton. 

No centro, também chamado de CBD, muita gente aconselha a não andar sozinho, mesmo durante o dia. A área é como outros centros urbanos do mundo - muita gente nas ruas, muito comércio, trânsito complicado e sujeira - porém várias pessoas que vivem na cidade desaconselham caminhar ali. 

Táxi
Antes de mais nada, é preciso saber que os táxis particulares, como os do Brasil, são chamados de "cab" em Joanesburgo; os chamados "taxis" são carros coletivos, que transportam pessoas que vão a diferentes destinos. Portanto, ter em mente que são usadas palavras diferentes é importante na hora de saber qual meio de transporte você pretende usar. 

Os táxis particulares, que não são divididos com outras pessoas, são também chamados de meter taxi, e é aí que começa a confusão. "Meter" se refere a taxímetro, mas na realidade os "meter taxis" de Joanesburgo não usam o aparelho - a grande maioria trabalha com valores tabelados. Então, como proceder? Ao pegar um cab/meter taxi, negocie o valor antes de entrar no veículo. Não faça a corrida sem perguntar o preço; se você perguntar o custo da viagem apenas no final, há grande chances de pagar mais do que o necessário. 

Outra dica importante é pegar um táxi com veículos novos, que são mais confiáveis. Hotéis e restaurantes costumam chamar taxistas de confiança, mas eles nem sempre estão disponíveis. Se você encontrar um taxista de que goste e que lhe passe confiança, guarde seu cartão e chame-o sempre que precisar. Os táxis da cidade não são caros, mas, como as distâncias são longas, as viagens acabam não saindo tão baratas. Negocie sempre!

Gautrain 
Esse é, definitivamente, o ponto forte de Joanesburgo no que diz respeito aos transportes. O Gautrain é um meio eficiente, rápido, limpo e moderno para ir a algumas partes da cidade - "algumas" porque o número de estações é um tanto limitado e você provavelmente precisará de um meio de transporte adicional para chegar ao seu destino final. Para várias áreas da cidade há um ônibus integrado que pode ser utilizado para completar seu trajeto. 

Utilizar gautrain+ônibus ou gautrain+táxi é uma boa maneira de circular para quem está sem carro. 

O preço do Gautrain varia de acordo com a distância a ser percorrida, porém adiantamos que não é tão barato quanto pegar um ônibus ou trem. 

Trem
Joburg tem também um serviço de trens convencionais. Eles são mais utilizados pelos moradores para ir para os subúrbios da cidade, mas infelizmente não têm toda a agilidade do Gautrain, que é um transporte bem rápido. 

Ônibus City Sightseeing
Quem viaja a passeio e quer conhecer apenas os pontos turísticos de Joburg conta com o transporte dos ônibus City Sightseeing - os ônibus turísticos de dois andares que circulam por diversas cidades do mundo. Indicamos a opção para quem quer ter liberdade de conhecer os pontos turísticos por conta própria, sem alugar um carro ou pagar táxis. 

Em Joanesburgo há apenas uma linha do ônibus, com 12 paradas. Comprando o ingresso (R150) você poderá rodar durante todo o dia, subindo e descendo nas paradas de sua preferência. 

O passeio começa na parada número um, que fica em frente à estação Park, no CBD de Joburg. 

Carro
Alugar um carro é a melhor maneira para quem quer autonomia ou para conhecer não apenas Joburg, como seus arredores com facilidade. Ter um carro é uma excelente ideia, tendo em vista que o transporte público da cidade não é dos melhores.
Lembramos apenas que os carros circulam na mão inglesa e que, no início, pode ser um pouco confusa a direção, mas em pouco tempo você começa a se acostumar.

As vias locais são bem sinalizadas e estão em boas condições de uso. O trânsito nos horários de pico pode ser lento; por isso, programe-se para sair com antecedência caso tenha um compromisso com horário marcado. Lembre-se de providenciar a PID (permissão internacional para dirigir) antes de viajar. 

Agências de passeios
Se não puder alugar um carro, mas não quiser abrir mão do conforto de um, a dica é conhecer os pontos turísticos da região com as empresas de passeio. Elas oferecem tours para toda a redondeza e dessa forma você ainda garante o serviço de um guia. Os passeios podem ser feitos de forma individual ou em grupo; cada empresa da cidade trabalha de uma forma e cobra um valor diferente.

Tudo que você precisa saber sobre Joanesburgo!

Esse texto sobre Transportes em Joanesburgo faz parte do guia de Joanesburgo no Melhores Destinos

Comentários para Transportes em Joanesburgo

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.