Puerto Varas

Travessia pelos lagos andinos

Na região dos lagos andinos, duas famosas cidades fazem sucesso por seus belos visuais: do lado chileno, Puerto Varas; do lado argentino, Bariloche. Sabendo da fama e das belezas naturais da região, muitas pessoas optam por conhecer mais de um destino na mesma viagem, e a dupla Bariloche/Puerto Varas constantemente está presente no roteiro de quem visita o norte da Patagônia. Ir de um lado ao outro da fronteira é fácil porque nós, brasileiros, não necessitamos de visto, apenas do RG. 

A travessia entre os dois países pode ser feita por via terrestre, mas é o Cruce Andino que chama a atenção dos amantes de viagens. No Cruce, os passageiros têm a oportunidade de navegar por diferentes lagos da região e admirar visuais de cair o queixo. A travessia pode ser feita em um ou dois dias, a depender da vontade do turista de passar uma noite em Peulla, pequeno vilarejo no lado chileno. No total, são quatro trajetos de ônibus e três de barco. 

Fizemos a travessia entre Bariloche e Puerto Varas de ônibus, e de Puerto Varas a Bariloche pelo Cruce Andino. Qual a melhor forma? Depende do seu objetivo. O ônibus é muito mais barato e, ao mesmo tempo, mais rápido, enquanto o Cruce é mais caro, mais lento, mas muito mais bonito. É realmente um passeio incrível; vale a pena fazê-lo, especialmente em um dia de céu aberto, quando é possível admirar os vulcões e a cor dos lagos com perfeição.

De ônibus
Na verdade, Bariloche está a apenas 140km em linha reta de Puerto Varas, porém, com a geografia sinuosa dessa área e a necessidade de parar para fazer os trâmites de imigração, a viagem até o destino leva cerca de 5h/5h30min. A vista ao longo do caminho é bonita, cercada por árvores altas e verdes; se a viagem for feita no período de inverno, provavelmente a estrada estará com neve nas laterais.

O que atrasa um pouco a viagem é a necessidade de parar duas vezes para fazer os procedimentos de saída junto à imigração de um país e de entrada junto ao outro - nesse momento, além do ritual de passar por um oficial e ter o passaporte carimbado ou o RG registrado, as malas podem ser revistadas para checar se não há transporte de nenhum objeto proibido, de frutas ou sementes. 

Valor pago no ônibus até Puerto Montt: ARS160 (cerca de US$ 28, cotação de setembro de 2013).

Algumas das empresas que podem ser usadas para ir de um país ao outro: Vía BarilocheCruz del Sur e Andesmar. Caso não haja linhas com chegada/saída para Puerto Varas, considere utilizar o terminal de Puerto Montt, cidade que está a cerca de 20km de Puerto Varas. 
 

Cruce Andino
O Cruce não é simplesmente uma maneira de atravessar entre dois países; é também uma ótima oportunidade para conhecer os lagos da região andina. O trajeto não é rápido - demora cerca de 11h/12h -, mas vale pelo visual. Sem nuvens, você poderá observar vulcões e a cor impressionantes dos lagos, que são realmente incríveis. A paisagem é estonteante!

O trajeto é feito em várias etapas - são quatro percursos de ônibus, três de barco e uma parada para o almoço em Peulla. Essa parada é que define se o Cruce será feito em um ou dois dias. Quem opta por fazê-la em dois dias passa a noite no Hotel Natura, em Peulla, enquanto quem opta por fazê-lo em um único dia segue viagem até Bariloche. 

Vale a pena passar a noite em Peulla? Essa é outra questão extremamente pessoal. Os guias brincam que Peulla é o paraíso dos maridos (por não haver lojas) e que a população gira em torno de cem pessoas - por aí já dá para perceber como o lugar é pequeno de verdade. Não há muito a fazer no vilarejo; a atração do lugar fica por conta de suas belezas naturais e da tranquilidade que proporciona. Se é isso que você procura, uma parada por lá pode valer a pena. Peulla tem cachoeiras, campos com animais, é um bom lugar para fazer caminhadas, andar de caiaque etc. Entre os passeios oferecidos no lugar, fizemos o de 4x4 e gostamos bastante. 

Confira as etapas do Cruce Andino para quem parte de Puerto Varas: 

1 - Saída de ônibus de Puerto Varas até o Parque Vicente Pérez Rosales, onde os viajantes ficam de 30 a 40 minutos admirando os Saltos de Petrohué. 
2 - Após a saída dos Saltos de Petrohué, o mesmo ônibus leva os passageiros até uma embarcação, que navega pelo Lago Todos Los Santos (Lago Esmeralda) até Peulla. Nessa parte do trajeto é possível admirar o Vulcão Osorno e o Vuclão Pontiagudo, além do próprio lago e de seus arredores, que oferecem uma visão belíssima. 
3 - Chegando a Peulla, faz-se uma parada para o almoço no Hotel Natura (você pode optar por levar um lanche, caso não queira almoçar). Há pessoas que passam a noite no lugar e outras que ficam em Peulla durante o dia para fazer alguns passeios, voltando para Puerto Varas no mesmo dia. 
4 - Após o tempo destinado ao almoço, ou a noite no hotel, segue-se em um novo ônibus por Peulla até a imigração chilena. Após a liberação dos viajantes, o ônibus segue viagem subindo a estrada rumo à fronteira, até a área de imigração argentina, em Puerto Frías. Na fronteira, a organização da viagem faz uma parada, permitindo aos passageiros tirarem foto e brincarem com a neve. 
5 - Em Puerto Frías são feitos os trâmites na imigração argentina; algumas malas podem ser selecionadas para serem revistadas pelos guardas. Após a liberação, continua-se a viagem em uma embarcação que navega pelo Lago Frías até Puerto Alegre. 
6 - Em Puerto Alegre pega-se um novo ônibus até Puerto Blest, onde uma embarcação já espera para a próxima fase do trajeto. 
7 - Navega-se de Puerto Blest pelo Lago Nahuel Huapi até Puerto Pañuelo, onde um novo ônibus aguarda os passageiros para deixá-los em seu hotel.

Fizemos o Cruce de Puerto Varas a Bariloche, mas pode ser feito também o percurso inverso, que passará pelos mesmos locais, porém na ordem contrária. O valor do passeio, em agosto de 2013, foi de US$ 280.

O Cruce Andino pode ser comprado através desse site, porém recomendamos não adquirir com muita antecedência. Espere até ter acesso à previsão do tempo e ter uma ideia sobre o tempo no dia da travessia. Se a previsão for de chuva, por exemplo, em nossa opinião não é tão interessante. Outra dica é não fazer o Cruce com bagagem de mão pesada, pois elas atrapalham durante a viagem. 

Tudo que você precisa saber sobre Puerto Varas!

Esse texto sobre Travessia pelos lagos andinos faz parte do guia de Puerto Varas no Melhores Destinos

Comentários para Travessia pelos lagos andinos

  • 20181005113922 Eduardo Barros Leal há mais de 5 anos

    quanto custa o passeio, partindo de Bariloche usando onibus ? Irei a Bariloche em 10/09/15, e quero fazer este passeio.

  • Rca2t Mauricio Cavalheiro há mais de 4 anos

    Oi Camille, boa noite!
    Estamos pra ir a Puerto Varas nesse mês e estou querendo fazer o passeio somente até Peulla e voltar no mesmo dia. Sabemos que a condição do tempo lá muda muito e queria saber se precisamos reservar o barco com antecedência mesmo ou se pra esse passeio mais curto a disponibilidade é maior.
    Estarei de carro alugado e também estou em dúvida se deixo o carro no hotel e vou com o ônibus até Petrohue para pegar o barco as 10:30h, ou vou de carro deixo ele em Petrohue e só reservo o barco...o que você sugere?
    Desde já agradeço!
    Abrs

  • 264mw Camille Panzera há mais de 4 anos

    Oi, Maurício... Não precisa reservar com grande antecedência.
    Como você já vai estar de carro, eu sugiro que faça o máximo de atividades que puder por conta própria... até porque os passeios não são baratos.
    Você pode visitar os Saltos de Petrohue de carro mesmo, depois faz o passeio de barco até Peulla e volta no mesmo dia. Não há muito o que fazer em Peulla, então os ponto altos do passeio são a navegação pelo lago e as quedas de Petrohue (como você vai estar de carro, pode ficar ali o quanto desejar). Abs

  • Rca2t Mauricio Cavalheiro há mais de 4 anos

    Oi Camille! Valeu pelas dicas e prontidão em responder! Abrs

  • 264mw Camille Panzera há mais de 4 anos

    Imagina, boa viagem! Abs.

  • Mnt6m Amanda Sitta há mais de 4 anos

    Olá!
    Estou indo para Puerto Varas no período do reveillón, gostaria de fazer o cruce até Bariloche, mas os preços estão exorbitantes!
    Onde encontro esse passeio de barco só até Peulla? Vale a pena?
    Estou em dúvida se vamos só até lá ou se vou até Bariloche de ônibus.
    Obrigada!

  • 264mw Camille Panzera há mais de 4 anos

    Oi, Amanda. O passeio até Peulla é feito pelas agências turísticas locais e geralmente inclui uma parada nos Saltos de Petrohue. Em Peulla não há muito o que fazer, mas a paisagem do passeio ao longo do caminho é muito bonita - eu recomendo!
    O cruce andino é caro mesmo... já era caro na época em que fiz, em 2013, agora deve estar ainda mais... Se você quer economizar, sugiro fazer só o passeio até Peulla voltando no mesmo dia e depois você vai de ônibus ou carro para Bariloche. Abs

  • Mnt6m Amanda Sitta há mais de 4 anos

    Muito obrigada pelo retorno Camille!
    Acho que vou fazer exatamente isso.

    Abs.

  • 264mw Camille Panzera há mais de 4 anos

    Por nada, Amanda!

  • Zj9ak Sergio J Arnaldo há mais de 3 anos

    Oi Camille estou indo para Puerto Varas agora dia 07/01 mas já conhecemos Bariloche. O que me indica em relação a passeios pelos lagos ?

  • 264mw Camille Panzera há mais de 3 anos

    Oi, Sergio. Tudo bem?
    Se você não quer ir até Bariloche no Cruce Andino dá para fazer o passeio de barco até Peulla pelo lago Todos los Santos, que oferece uma paisagem muito bonita. Eu escolheria fazer esse passeio em um dia de sol, porque assim você consegue ver melhor a região e vulcões ao redor. Abs!

  • Nyd34 Tiago Leal há mais de 2 anos

    Camille, você estima que esse passeio até Bariloche no Cruce Andino seja em média quantos dias? Dá para ir somente com mochila? Pretendo ir no mês de agosto.

  • 264mw Camille Panzera há mais de 2 anos

    Oi, Tiago. A travessia no Cruce Andino leva apenas um dia...

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.