Cairns

Localizada no estado de Queensland, a cerca de 1700 km da capital estadual Brisbane, Cairns é uma cidade para aproveitar as belezas do mar e da terra. Sua grande característica é oferecer uma ótima estrutura para explorar a Grande Barreira de Corais e ao mesmo tempo permitir conhecer a floresta tropical e a cultura dos aborígenes. 

Ela é um dos grandes destinos turísticos da Austrália e a maioria das pessoas que a visita tem como foco o mergulho ou snorkeling na Grande Barreira, que dizem ser o único organismo vivo que pode ser visto do espaço. A Grande Barreira de Corais ocupa uma extensão de 2.300 km entre o litoral de Queensland até a Papua Nova Guiné e chega a ter mais de 60km de largura em algumas partes. Ela é formada por mais de 700 espécies de corais e tem uma diversidade biológica incrível, o que leva muitos estudantes da área a visitarem o lugar para estudo e moradia. 

Tartarugas, tubarões, crustáceos enormes, peixes das mais variadas espécies, pesos, tamanhos e cores; corais com aparências curiosas são o que não se pode deixar de ver em Cairns. Esse é o lugar para cair na água e se deixar levar pelas belezas do fundo do mar. Não importa a idade ou o tipo de mergulho, o importante é ver de pertinho essas “paisagens" de tirar o fôlego!

Embarcações de todos os tamanhos fazem parte do cenário da cidade, pois são elas que levam turistas aos pontos de mergulho ao longo da costa. Há passeios com duração de meio dia e outros que duram vários dias, normalmente destinados àqueles que querem fazer um curso para obter a certificação de mergulhador, afinal, nada como aprender o mergulho autônomo em um dos melhores lugares no mundo para isso! Independentemente da duração do passeio, recomenda-se procurar uma empresa que visite áreas do “recife de fora”, onde a variedade de animais é maior e há corais mais conservados. 

Cairns é “O destino”, para mergulho, mas não é só isso que há para fazer numa viagem ao lugar. As atrações em terra também merecem um espaço no roteiro, em especial o passeio que vai à Kuranda, um vilarejo aborígene no meio da floresta. O vilarejo em si é interessante, mas mais interessante ainda é a forma como se chega até ele; é possível ir (ou voltar) de trem e também pelo skyrail - um teleférico com mais de 7,5 km que passa por cima das árvores. Algumas cabines ainda têm o chão de vidro, e assim você vê passando embaixo dos seus pés aquele mar de árvores centenárias.

Quando no centro da cidade, reserve um tempo para caminhar na Esplanade e dar um mergulho na Lagoon Esplanade, uma piscina pública na beira do mar que substitui o mergulho na praia, uma vez que o mar nessa área tem muitas águas-vivas. Visite o Night Market para fazer umas compras durante a noite e não deixe de provar alguns dos ótimos sorvetes que a cidade tem! A vida noturna de Cairns é animada e quem gosta de beber algo gelado no fim do dia ou apostar as fichas no cassino terá diversão todos os dias!