Chapada dos Veadeiros

Dicas da Chapada dos Veadeiros

Seja um turista consciente. Ajude a preservar a Chapada dos Veadeiros. Não faça fogo em áreas de cerrado, principalmente durante o período da seca. Não jogue lixo nas trilhas e não cause danos ao meio ambiente. Siga as regras de visitação de cada uma das cachoeiras e, principalmente, as regras de segurança;

No período de chuvas, tenha muito cuidado com as trombas d’água que são frequentes nas cachoeiras da Chapada dos Veadeiros. Ao sair para um atrativo, consulte os nativos e responsáveis pela área para saber dos riscos no dia de passeio. O assunto é sério e o risco de acidente é real. Fique sempre alerta para grandes variações no nível da água dos poços e também na mudança de cores da água. Os dois são sinais de que há risco de tromba d’água. Ao menor sinal de chuvas, saia da cachoeira e procure um ponto alto para a sua segurança;

A maioria das cachoeiras da Chapada dos Veadeiros tem percurso autoguiado e não é necessário o acompanhamento de guias. Ainda assim, quem se sentir mais confortável com o auxílio de um profissional poderá contratá-lo para o passeio. Não se aventure sozinho em trilhas desconhecidas se não se sentir seguro para isso. Para quem tem mais experiência, aplicativos de trilhas, como o Wikiloc, são boas pedidas para garantir o trajeto correto;

Há algumas cachoeiras onde a presença de um guia é obrigatória. É o caso da Santa Bárbara, Candaru, Capivara e o Complexo de Cachoeiras do Prata, todas em Cavalcante. Ao contratar um guia, procure serviços credenciados ou a associação de guias próxima à atração, como acontece na Comunidade Kalunga Engenho II, onde há grande número de profissionais disponíveis. O Centro de Atendimento do Visitante de Alto Paraíso também é uma boa opção para pegar os contatos dos profissionais;

A Chapada dos Veadeiros é um destino seguro e não é comum o relato de assaltos ou outros crimes contra turistas. Ainda que não seja comum, é importante sempre estar atento aos bens de valor, especialmente ao visitar os atrativos. Evite deixar dentro do carro objetos à mostra. Já houve casos de roubo em mirantes mais isolados, como o do Morro da Baleia. Nesses lugares, evite o uso de equipamentos que chamem demais a atenção, como drones;

As estradas até as bases principais — Alto Paraíso, São Jorge e Cavalcante — são de boa qualidade. Entretanto, os caminhos até as cachoeiras são quase sempre por estradas de terra, algumas em péssimas condições (como a da Cachoeira Santa Bárbara). Ao viajar para a Chapada, tenha bastante cuidado para não sofrer acidentes ou danificar o veículo;

Nas bases maiores, como Alto Paraíso, Cavalcante e São Jorge, será fácil encontrar serviços básicos de farmácia, mercados e outras lojas. O comércio mais desenvolvido é em Alto Paraíso. Ainda que haja comércio, é bom levar todo o necessário para os dias de viagem;

Protetor solar é item obrigatório na Chapada dos Veadeiros. O calor é intenso e muitas vezes haverá longa exposição ao sol. Previna-se também com roupas que tenham proteção contra raios UV. Protetor labial é importante principalmente no período da seca, quando a umidade está baixa e os lábios podem apresentar rachaduras;

Durante a seca, beba muita água e mantenha-se hidratado;

Cartões — principalmente Mastercard e Visa — são aceitos nos estabelecimentos comerciais, porém em muitos casos apenas na função débito. Tenha sempre uma reserva em espécie para emergências e também para pagar a entrada em atrativos, caso seja necessário;

Agências bancárias são uma raridade na Chapada dos Veadeiros. Há apenas um Itaú em Alto Paraíso, cidade que conta também com agência dos Correios e casa lotérica, onde é possível sacar dinheiro do Banco do Brasil;

O DDD na Chapada dos Veadeiros é 62;

Há sinal de celular na cidade de Alto Paraíso e na Vila de São Jorge, mas nem todas as operadoras funcionam bem. Já em locais mais remotos praticamente não há sinal. Caso precise resolver algum problema, não conte com a internet ou o telefone na Chapada dos Veadeiros. O serviço poderá estar indisponível;

As pousadas quase sempre oferecem Wi-Fi, mas acontece com frequência de o sinal estar ruim. Se for importante para você, consulte a agência ou pousada contratada para ter certeza de que haverá internet.

Lista básica de itens para levar

  • Câmera fotográfica e câmera fotográfica subaquática (com acessórios)
  • Bota ou outro calçado para trilha
  • Chinelo
  • Protetor Solar
  • Repelente contra insetos
  • Medicamentos de uso pessoal
  • Produtos de higiene pessoas (para quem fará trilha com pernoite o ideal são potes pequenos)
  • Roupas de banho
  • Mochila pequena para trilhas curtas
  • Casaco leve para o verão (à noite pode bater um friozinho)
  • Casaco mais pesado para o período do inverno (durante a seca, as madrugadas são bem frias)
  • Casaco corta-vento e impermeável ou capa de chuva para o período de chuvas
  • Toalha compacta de alta absorção
  • Boné, chapéu e óculos de sol
  • Carregador externo de bateria (caso você não viva sem o telefone e queira fazer muitas fotos)
  • Bolsa impermeável
  • Calçados e roupas confortáveis para sair à noite (nem sempre as ruas são asfaltadas)

Tudo que você precisa saber sobre Chapada dos Veadeiros!

Esse texto sobre Dicas da Chapada dos Veadeiros faz parte do guia de Chapada dos Veadeiros no Melhores Destinos

Comentários para Dicas da Chapada dos Veadeiros

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.