Melhores Destinos
Dublin
Gisela Cabral

Dicas de Dublin

Visto (fonte: Portal Consular)

Cidadãos brasileiros não necessitam de visto de turista para entrar na Irlanda, bastando apresentar os seguintes itens:
- passaporte com validade de 6 meses;
- prova de meios de subsistência compatível com o período de sua permanência no país;
- comprovante de reserva de hotel ou de acomodação;
- passagem de regresso ao Brasil ou de continuidade da viagem para outro país;
- seguro médico hospitalar, assegurando-se antes de partir que o referido seguro tem cobertura na Irlanda.

Os brasileiros devem estar com condições de comprovar que o objetivo de sua viagem é turismo ou visita a amigos (que necessitam estar em situação migratória regular) e que não pretendem realizar estudos (caso pretenda, é necessário outro tipo de comprovação) ou imigrar para a Irlanda.

Website oficial de Dublin

No Visit Dublin você encontra uma série de informações úteis sobre a cidade, a exemplo dos eventos que estão acontecendo no momento e muito mais. Para acessá-lo, clique aqui.  

Cartão de celular pré-pago

Para os que desejam fazer uso de internet e telefone no país, a opção mais barata é adquirir um cartão pré-pago. No térreo do Terminal 1 do aeroporto (desembarque) é possível adquirir o item com facilidade, pagando de 20€ a 25€ por um chip, que é mais do que suficiente para até uma semana de uso.

Na saída do Terminal 2 (internacional) há uma loja de conveniência onde você vai encontrar o chip por preços que variam de 20€ a 30€.

Mapas e informações turísticas

No Discover Ireland Centre da Suffolk Street, em Dublin, o visitante encontra um excelente centro de apoio, onde é possível obter todo tipo de informação - o que fazer em Dublin e no restante do país, onde se hospedar, meios de transporte, mapas e afins. Clique aqui para saber os horários de atendimento do local; no aeroporto de Dublin também há dois escritórios do tipo, um em cada terminal.

Aluguel de carro

Alugar um carro pode ser muito útil se você deseja explorar atrações fora de Dublin, como as Falésias de Moher, a pouco mais de duas horas de carro. Mas, para se locomover dentro da capital, não há tantas vantagens assim. Isso porque o sistema de transporte público local é de boa qualidade; além disso, na Irlanda o motorista dirige do lado contrário - a famosa mão inglesa. Adicione a isso engarrafamentos constantes em determinadas horas do dia e preços de estacionamentos nada convidativos. Para saber tudo sobre como alugar um carro em Dublin, clique aqui.

Segurança

O índice de criminalidade na Irlanda é baixo, mas isso não quer dizer que não seja preciso tomar certos cuidados, principalmente em Dublin, a maior cidade do país. Furtos e roubos não são incomuns nas áreas turísticas; portanto, todo cuidado é pouco com bolsas, carteiras e outros itens de valor, como celulares e câmeras fotográficas. 

Além disso, a Embaixada do Brasil na Irlanda recomenda que o passaporte seja mantido em local seguro e que o cidadão que estiver em visita ao país ande apenas com uma cópia da página principal do documento.