Fernando de Noronha

Preços e Gastos em Fernando de Noronha

Fernando de Noronha é um destino caro e muito provavelmente o mais custoso do Brasil. Isso se deve a vários motivos: os preços dos voos para o arquipélago não são baixos, é preciso pagar uma taxa para entrar na ilha e como tudo fica distante do continente, o valor dos produtos aumenta consideravelmente. 

É importante se preparar para encontrar preços mais altos na ilha ou você pode acabar se decepcionando. No local existe uma agência bancária do Santander e uma agência dos Correios, onde se pode fazer operações do Banco do Brasil. Os restaurantes, agências de turismo e pousadas costumam aceitar cartões de crédito, mas é sempre bom ter algum dinheiro em espécie para eventualidades ou pequenos comércios. 

Abaixo alguns valores* que percebemos em Fernando de Noronha

Taxa de preservação: R$70,66/dia (ano de 2018)
Ingresso do Parque Nacional Marinho para brasileiros (válido por 10 dias): R$97
Valor do kg em um self-service: R$79
Passeio de barco (sem almoço): R$170
Ilhatour em grupo R$180
Passeio de prancha submarina: R$165
Diária em pousada econômica em Noronha: R$350-450
Diária em pousada intermediária em Noronha: R$600-750
Diária em pousada luxuosa em Noronha: R$1000+
Táxis: a partir de R$25
Passagem de ônibus: R$5
Prato principal em um restaurante à la carte: R$70-100

 

*Dados de novembro de 2017

Tudo que você precisa saber sobre Fernando de Noronha!

Esse texto sobre Preços e Gastos em Fernando de Noronha faz parte do guia de Fernando de Noronha no Melhores Destinos

Comentários para Preços e Gastos em Fernando de Noronha

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.