O colorido dos casarões coloniais de Tiradentes inebria os visitantes que chegam à região. Aos pés da Serra de São José, a cidade preserva a história e arquitetura do século XVIII em suas construções, igrejas e cenários bucólicos que a transformam em um dos mais charmosos destinos de Minas Gerais. É fácil se apaixonar pela calmaria e elegância de Tiradentes, especialmente depois de experimentar uma das melhores atrações da cidade: a gastronomia! Tiradentes extrapola a faceta do turismo histórico e cada dia mais arrebata visitantes em busca do excelente repertório culinário. Requintada, delicada e encantadora, Tiradentes tem tudo para conquistar você!

Igreja-matriz-de-santo-antonio

A cada dia que passa, Tiradentes atrai mais visitantes em busca de dias de sossego aliados a elegantes e refinadas pousadas e menus culinários inesquecíveis. Diferente de Ouro Preto, Tiradentes não é lugar para percorrer dezenas de atrações turísticas. Por lá, o melhor é curtir a cidade aos poucos, em deliciosas caminhadas pelas ruas de pedra, sempre em busca de um lindo cenário. Vez ou outra, uma atração chamará a atenção, como a Igreja Matriz de Santo Antônio, o Museu Casa Padre Toledo, a Igreja Nossa Senhora do Rosário e o Museu de Sant’Ana, antigamente cadeia da cidade. Contudo, tenha em mente que um dia bastará para conhecer todos os principais pontos da cidade. Escolha um calçado confortável para caminhar entre as ladeiras de pedra ou faça um clássico passeio de charrete. O importante é nunca ter pressa em Tiradentes.

Tiradentes

Convidativa ao deleite e à arte de flanar, Tiradentes é destino para quem busca os pequenos prazeres da vida. Sente-se à sombra do Largo das Forras, aprecie o cenário do Chafariz de São José e encante-se com todas as belas lojas de arte, artesanatos e móveis rústicos da região. Vale, inclusive, uma visitinha à vizinha Bichinho. Sempre com uma paradinha para degustar os doces, queijos e inovadores menus locais.

Tiradentes

Uma visita à região não seria completa sem uma passadinha na vizinha São João del Rei, cidade que compartilha a mesma história de Tiradentes. Você poderá ir de carro ou ônibus até lá. Mas bom mesmo é completar a sua volta ao passado em um delicioso passeio de Maria Fumaça. Uma ótima maneira de curtir as duas cidades históricas e levar belas recordações para casa.

Está preparado para também se apaixonar por Tiradentes? Veja no Guia tudo sobre o que fazer em Tiradentescomo chegar, as melhores pousadas, os restaurantes imperdíveis, os principais pontos turísticos, várias dicas de compras e muito mais! Prepare a câmara fotográfica e registre cada bela cena de Tiradentes. É mesmo um destino inesquecível! 

Tiradentes

Um pouco de história

A região de Tiradentes faz parte da rota do ciclo do ouro em Minas Gerais. Parte integrante do circuito Estrada Real, Tiradentes começou a atrair exploradores a partir de 1702, com a descoberta de metais preciosos aos pés da Serra de São José, no Rio das Mortes. Na época, o local ganhou nome de Arraial de Santo Antônio, passando depois a se chamar Vila São José, São José Del Rei e São José do Rio das Mortes.

Museu-casa-padre-toledo

A região foi marcada pela intensa presença de revolucionários. O movimento da Inconfidência Mineira tinha força na cidade, que até hoje guarda memórias da época. Uma delas é a Casa de Padre Toledo, onde aconteciam reuniões secretas entre os inconfidentes. Com a queda do ciclo do ouro e a Proclamação da República, a cidade recebeu o nome de Tiradentes — em 1889 — em homenagem ao grande inconfidente que nasceu na região, Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes. Hoje, Tiradentes é tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. É um dos mais belos e bem preservados destinos históricos do país.