Melhores Destinos
Jéssica Weber Jornalista apaixonada por mato e praia, interessada na história dos lugares, na arquitetura das cidades e em comida, é claro.

Cerro Viejo

O Cerro Viejo não é nem o monte mais alto, nem tem a melhor vista mais bonita de Bariloche, mas possui um diferencial: a descida pode ser feita em uma espécie de tobogã gigante. 

Cerro Viejo

A gente senta sozinho ou com um acompanhante em um pequeno trenó de plástico com base metal e é com isso que desce o tobogã de 400 metros de extensão. Tem uma marcha no meio que tem só duas possibilidades: se acionada para frente acelera, para trás, freia. Lembra os trenós de montanha que há na Serra Gaúcha e em Campos do Jordão, mas é mais humilde.

Ele desce fazendo curvas na montanha, no meio do bosque. A velocidade máxima é de 20 km/h, o que não é um absurdo de rápido, mas já dá um frio na barriga. Eu admito que freei um pouco apenas porque na hora deu medo que o trenó fosse escapar do tobogã — felizmente, não sei de nenhum acidente nesse brinquedo. A brincadeira está inclusa no valor do ingresso.

Cerro Viejo

Já a subida é feita por teleférico aberto, com duração de aproximadamente cinco minutos. Se você não gostou da ideia do tobogã, pode descer de teleférico também. No topo do morro, há um deque com uma vista bonita do Lago Nahuel Huapi. Tem também uma cafeteria simples, que serve café, chás, chocolate quente, medialunas, alfajor e sanduíches. 

Sabemos que os preços na Argentina mudam o tempo todo, mas o ingresso custava, em fevereiro de 2024, 5 mil pesos argentinos, o que equivalia a R$ 20.

Cerro Viejo

Onde fica o Cerro Viejo

Outra vantagem do Cerro Viejo é que ele fica bem próximo ao centro de Bariloche, no começo da Av. Exequiel Bustillo, a apenas 1 km do Centro Cívico. Tem um estacionamento na base, ao lado do Restaurante Refugio Viejo, mas não é muito grande. Avalie ir de Uber, táxi ou remis. 

Se você for ao Cerro Viejo, não deixe de passar na Havanna: uma das marcas de alfajores mais conhecidas da Argentina tem uma das suas fábricas exatamente do lado. Além da loja e de uma cafeteria, há ali um museu sobre a história do chocolate, incluindo esculturas de animais patagônicos feitas com o doce. Tem várias visitas guiadas ao longo do dia, com duração de aproximadamente 20 minutos, e você ainda vê a fábrica em funcionamento por vitrines.

Cerro Viejo: fotos

Veja mais fotos que eu tirei no Cerro Viejo de Bariloche: 

Confira os 5 hotéis mais reservados por nossos leitores em Bariloche

Cerro Viejo

Av. Bustillo, 1200 - ao lado da fábrica da Havana
San Carlos de Bariloche