Dicas de Dubai

Geral

A língua oficial em Dubai é o árabe, porém o inglês é falado amplamente na cidade. A maioria da população é de estrangeiros, por isso é comum que todas as placas de sinalização, panfletos informativos, cardápios etc. estejam escritos nas duas línguas.

O padrão de voltagem em Dubai é de 220V. A tomada é de três pinos no padrão britânico, com dois pinos paralelos retos e um terceiro redondo, formando um triângulo equilátero. É comum nos hotéis encontrar tomadas de vários formatos para aparelhos eletrônicos, entre elas a tomada USB. 

Caso o seu aparelho tenha tomada no padrão brasileiro, lembre-se de levar um adaptador. Cuidado na hora de ligar os eletrônicos na tomada, eles podem ter a voltagem diferente.

O fuso horário em Dubai é de +7 horas em relação a Brasília (GMT+4). O jet lag é comum em viagens com diferença tão grande de fuso. Aproveite para entrar no horário local já durante o voo. 

Os dias úteis em Dubai são de domingo a quinta-feira. Sexta é o dia sagrado e sábado funciona como o nosso domingo. 

A principal religião dos Emirados Árabes Unidos é o islamismo. 

Dinheiro

A moeda oficial de Dubai é o Dirhan (AED). A cotação, em relação ao dólar, é de USD 1 para AED 3,675. Será quase impossível encontrar a moeda dos Emirados Árabes Unidos no Brasil, por isso será necessário levar outras formas de pagamento, como dólar, euro e cartões de crédito. Casas de câmbio estão disponíveis no aeroporto, assim como caixas eletrônicos para saque da moeda em espécie. Verifique com a casa de câmbio se ela aceita a troca do dinheiro de volta pela mesma cotação. Tal serviço é comum nas casas de câmbio do aeroporto.

Cartões de crédito e débito são amplamente aceitos e caixas eletrônicos estão espalhados por toda a cidade. Lembre-se sempre de desbloquear o cartão para uso no exterior e nunca leve apenas uma opção de pagamento.

Em Dubai, os produtos e serviços estão livres de impostos, por isso não há como solicitar o tax refund. Ainda assim, lembre-se de guardar as notas fiscais de compras para, caso seja necessário, apresentar na Receita Federal ao desembarcar no Brasil.

As gorjetas em Dubai são, no geral, de 10% do valor total da conta para restaurantes e táxis, mas o valor não é obrigatório. No caso de serviços, como de hotelaria, é comum a gorjeta de AED 5. Fique atento à conta para ter certeza que o valor final já não está com a gorjeta incluída. 

Caso seja solicitado no hotel um cartão de crédito para valor caução (no caso de consumo), solicite o comprovante de cancelamento do valor na saída do hotel. Lembre-se de pedir a fatura de consumo, mesmo que não haja consumo nenhum, assim como a nota fiscal da hospedagem. Evite problemas com cobranças indevidas. 

Ao fazer uma compra nos souks de Dubai, lembre-se de sempre pechinchar. Faz parte da prática habitual de comércio na região e o valor da mercadoria pode baixar consideravelmente. 

Documentação 

Brasileiros não precisam de visto para entrar nos Emirados Árabes Unidos e, consequentemente, em Dubai. O visto de visitante é concedido na entrada do país e é válido por seis meses para até noventa dias de permanência com múltiplas entradas.

O passaporte é documento obrigatório para quem deseja visitar Dubai. Ele deve ter a validade mínima de seis meses. 

Para quem pretende dirigir em Dubai, será necessário ter a PID (Permissão Internacional para Dirigir). A Carteira Nacional de Habilitação não tem validade nos Emirados Árabes. De todo modo, é sempre aconselhável ter a PID para viagens internacionais. 

Evite andar com o passaporte na rua. Deixe-o guardado em local seguro no hotel e use a carteira de motorista apenas acompanhada de uma cópia do passaporte. Tenha sempre também uma cópia do passaporte online (no email, por exemplo). Em caso de perda, comunique imediatamente à embaixada ou ao consulado mais próximo. A cópia do passaporte facilitará a retirada de um documento de emergência.

Segurança

Dubai é um destino extremamente seguro para o turismo. Dificilmente são vistos crimes violentos e pequenos delitos — como furtos — são muito incomuns, principalmente nas regiões mais turísticas. Caminhar pela cidade, mesmo à noite, é bastante tranquilo. Não há problema em tirar fotos e andar com celular na mão. Claro que cuidados básicos são sempre bem-vindos, especialmente em locais cheios, como transporte público e praia. 

Fotografias

Alguns cuidados devem ser tomados na hora de registar a cidade. Prédios do governo não podem ser fotografados e você poderá ser alertado pelo segurança sobre a proibição. É importante também estar atento a fotos de pessoas, especialmente de mulheres muçulmanas. Muitas vezes elas podem não gostar do registro. Evite fotos de pessoas específicas para não ter problemas, principalmente se você for homem e fotografar uma mulher. 

Costumes e vestimentas

Apesar de ser uma cidade muçulmana, Dubai é bastante liberal. É comum ver mulheres vestidas normalmente, como estamos acostumados a ver em todo o mundo. Ainda que roupas comuns sejam aceitas, não é de bom tom mulheres usarem modelos decotados demais, saias curtas, barriga de fora, roupas muito justas ou blusas de alcinha. A religião muçulmana é amplamente praticada na cidade e algumas roupas podem ofender aos moradores. Mesmo que ninguém seja incomodado pelo uso das roupas, é importante respeitar as tradições locais e evitar constrangimentos. Dentro dos hotéis, as regras ligadas à religião muçulmana são bem menos restritas.   

Lenços não são obrigatórios na cabeça, mas é sempre bom ter um na bolsa, especialmente para visitar mesquitas ou outros locais religiosos. Em Abu Dhabi, a vestimenta é bastante rígida para a visita à Gran Mosque, porém eles emprestam roupas no local para quem não está vestido adequadamente.

Biquínis e sungas são aceitos e o uso é muito comum nas praias, piscinas de hotéis e parques aquáticos. Mesmo os biquínis de modelo brasileiro poderão ser usados. Roupas de banho são permitidas apenas no ambiente da praia, da orla, parques aquáticos e piscinas de hotéis. Não é permitido circular de biquíni na cidade.

Roupas leves e frescas são excelentes para todo o ano. Lembre-se, entretanto, de que há muitos estabelecimentos com ar-condicionado. Além disso, durante o inverno, faz bastante frio no deserto. Tenha sempre um casaco para emergências. 

Bebidas alcoólicas são permitidas apenas dentro de bares, restaurantes e hotéis que possuem permissão para venda. Não é permitido beber na rua, assim como andar bêbado pela cidade ou na praia. 

A alimentação em Dubai é bastante internacional, porém um item específico será difícil de encontrar: carne de porco. A carne do animal tem consumo proibido entre os muçulmanos, porém há alguns poucos restaurantes que vendem. 

Em Dubai, os cumprimentos são regidos pela religião. Caso seja mulher e encontre um homem muçulmano, aguarde o cumprimento dele e nunca estenda a mão primeiro. Na dúvida, apenas faça um aceno com a cabeça e erga a mão até o coração. No caso de um homem que vá cumprimentar uma mulher muçulmana, nunca encoste nela. Apenas acene com a cabeça, mas sem contato físico. Entre pessoas que não seguem a religião, um aperto de mão é o cumprimento mais comum. 

Demonstrações de afeto, nos moldes brasileiros, não são permitidas em público. Andar de mãos dadas tudo bem, mas se deve evitar beijos e outras demonstrações de carinho mais animadas. 

Saúde

Dubai conta com ampla rede de atendimento médico de padrão internacional. Lembre-se de fazer um seguro de viagem, ninguém está livre de ter uma emergência médica. As farmácias, entretanto, não são tão acessíveis como em países como os EUA. Por isso, leve todos os remédios de uso contínuo ou que possam ser necessários durante a estada naquele país. 

Nenhuma vacina é obrigatória para quem pretende visitar os Emirados Árabes Unidos. 

A água da torneira em Dubai é potável, porém evite tomar para não ter problemas estomacais.  

Lembre-se de se manter sempre muito hidratado. O clima em Dubai é extremamente quente e seco, o que pode causar dor de cabeça, náuseas e, em casos mais graves, desidratação severa. 

Telefonia e internet

O código de Dubai é +971.

Fique atento ao uso do pacote de dados do Brasil no exterior, ele pode custar uma fortuna. Sendo assim, a melhor opção é desativar todas as funções de dados do seu telefone e usar apenas o Wi-Fi ou chip do exterior. Caso pretenda usar muito a internet ou sistema GPS, é aconselhável adquirir um chip local, disponíveis nos shoppings e grandes centros comerciais. Para a compra, será necessário apresentar o passaporte, a carteira de motorista não é aceita. Os preços de pacotes de dados para turistas é diferente dos preços para moradores.

Wi-Fi é comum por toda a cidade, inclusive em praças públicas, hotéis, restaurantes, transportes públicos e shoppings.

Tudo que você precisa saber sobre Dubai!

Esse texto sobre Dicas de Dubai faz parte do guia de Dubai no Melhores Destinos

Comentários para Dicas de Dubai

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.