Antiga Embaixada Americana em Teerã سفارت آمریکا

0 avaliação
0% recomendam
0

Quem assistiu ao filme "Argo", vencedor do Oscar 2013 de melhor filme, conhece bem a história: em 1979, a Embaixada dos Estados Unidos em Teerã foi invadida por estudantes e militantes radicais do novo governo teocrático do país. Seis funcionários conseguiram fugir e se esconder, posteriormente dando um jeito criativo de sair do país sem serem pegos — e o resto é história.

Ira

E parte dessa história pode ser vista ainda hoje, desenhada nos muros que abrigavam a representação consular. As pichações com discurso de ódio e representações xenófobas patrocinadas pelo governo iraniano formam uma atração no mínimo curiosa, que — compreensivelmente — não são motivos de orgulho para a maioria da população, preferindo não recomendar a visitação do lugar.

Ira

Ainda assim, é um ponto importante para conhecer os desdobramentos da história recente do país. Toda a extensão do muro e arredores possuem algum tipo de mensagem antiamericana, contra seus parceiros (leia-se Israel) e os valores do Ocidente — sobra até mesmo para a TV por satélite, responsável pela "contaminação dos jovens", segundo o discurso do governo. Fotografar não é problema, embora os locais evitem.

Ira

Após a visita, sugerimos seguir em direção à rua de trás e visitar o "Parque dos Artistas" (پارک هنرمندان), essa sim uma atração digna de admiração do povo iraniano. Além da beleza e paisagismo típico dos parques de Teerã, curiosamente esse também é um local que reúne monumentos pós-modernistas, restaurantes (alguns vegetarianos, raridade por essas bandas), cafés e uma pequena multidão de estudantes de cabeça aberta, que rapidamente lhe convencerão de que as ideias expressadas no muro são coisas do passado e nem de longe são unanimidade.

Ira

Como chegar: Estação de metrô Teleghani (ایستگاه طالقانی), Linha 1.


Antiga-embaixada-americana-em-teera