Planejando a viagem a Moscou

Quando ir

Este é um ponto importante que o turista deve levar em consideração antes de bater o martelo, fazer as malas e partir rumo à capital russa. Aqueles que buscam temperaturas mais amenas devem optar pelo período que vai de junho até setembro, sendo o verão, com certeza, a estação preferida por aqueles que desejam andar muito pela cidade e aproveitar o tempo bom para conhecer os principais pontos turísticos e visitar alguns parques.

Só para constar, mesmo no verão - cuja temperatura máxima gira em torno de 25ºC - é provável que as noites sejam um pouquinho mais frias (nada que um casaco leve não resolva); além disso, chuvas podem ocorrer durante os meses de julho e agosto. Portanto, é bom se preparar levando capas de chuva, por exemplo.

De setembro a maio há probabilidade maior de queda dos preços de hospedagem na cidade. As paisagens locais também ficam lindíssimas, principalmente quando neva, porém é bom se preparar para o frio intenso, que não costuma dar muita trégua (no inverno, a temperatura mínima é de -9°C, em média). Daí a importância de se preparar adquirindo roupas e calçados especiais para enfrentar baixas temperaturas.

O que levar na mala

Um bom e confortável par de tênis para os que pretendem explorar a cidade a pé. No inverno, casacos e calçados adequados, meias térmicas, luvas, gorro e cachecol. No verão, roupas leves, atentando sempre para o fato de em alguns locais não é permitido entrar usando shorts.

Visto

Brasileiros não precisam de visto. "Um acordo prevê a permanência e trânsito de cidadãos brasileiros portadores de passaportes válidos, com livre entrada e saída do país, múltiplas vezes, desde que a soma de todos os dias de estada na Rússia não ultrapasse 90 dias a cada período de 180 dias, a contar da primeira entrada no país." (fonte: Embaixada do Brasil na Rússia)

Nota do MD: Isso não quer dizer que, no momento do desembarque, as autoridades não possam exigir do visitante comprovantes de hotel, passagem de volta/ou do próximo destino, entre outros documentos. Fique atento!

Registro de visitantes (fonte: Embaixada do Brasil na Rússia) 

Todo estrangeiro deverá proceder o Registro Migratório junto às autoridades locais russas, dentro de até 7 dias úteis, para cada cidade por onde passar.

Esse registro deverá ser providenciado pelo anfitrião russo (hotel, pessoa física ou jurídica responsável pela estada do turista no país). Caso sua hospedagem se faça em hotel, albergue, pensão ou alojamento, o próprio estabelecimento se responsabilizará pelo seu Registro Migratório. Se seu anfitrião for um amigo ou instituição russa, este deverá dirigir-se a um escritório regional do FMS com cópias do seu passaporte e do seu Cartão Migratório, a fim de proceder o Registro Migratório. Mais informações aqui

Dinheiro

A moeda local é o Rublo (RUB), dividido em 100 kopecs (confira a cotação aqui). Você pode cambiar certa quantia de dinheiro antes de desembarcar em Moscou, para não chegar totalmente desprovido, porém casas de câmbio e caixas eletrônicos podem ser encontrados nos aeroportos da cidade e pelos mais diversos pontos da cidade.

Aprendendo o alfabeto

Aprender pelo menos um pouco do alfabeto cirílico - nem que seja apenas para juntar letrinhas - com certeza vai ajudá-lo a se locomover pela cidade e no metrô de Moscou. É altamente indicado que o visitante também opte por duas versões de mapas da cidade e do metrô: uma em inglês e a outra em russo. Jamais escolha a versão inglesa unicamente, ou terá problemas para se localizar.

Este site (com informações em inglês) não nos ensinou o alfabeto do dia para a noite, mas nos ajudou a compreendê-lo, facilitando, dessa forma, as nossas andanças pela cidade. Caso você não domine a língua inglesa, pode aprender um pouco do alfabeto neste outro site, com informações em português. Além disso, é sempre bom fazer o download de um dicionário inglês-português/russo, no celular, para ser usado em caso de alguma emergência.

Algumas palavras/frases importantes (português/russo/como se pronuncia)

Obrigado (a): спасибо - Spassiba

Por favor: пожалуйста - Pajáulusta

Sim: да - Da

Não: нет - Nyet

Olá (informal): привет - Priviêt

Bom-dia: доброе утро - Dóbray útra

Boa-tarde: добрый день - Dóbry dyen'

Boa-noite (ao chegar): Добрый вечер - Dóbry vyétcher

Tchau: Пока - Paká

  • Embaixada do Brasil na Rússia

    Nota:  de 10 (0)

    Na página da Embaixada do Brasil na internet há uma série de informações importantes para aqueles que estão com passagem marcada ou pensando em visitar a Rússia. Em caso de urgência no país, como detenção, hospitalização ou morte, o cidadão brasileiro deve contatar o...

Tudo que você precisa saber sobre Moscou!

Esse texto sobre Planejando a viagem a Moscou faz parte do guia de Moscou no Melhores Destinos

Comentários para Planejando a viagem a Moscou

  • Missing Fábio de Andrade há 1 mês

    Pessoal, se alguém estiver indo para Moscou, meu filho é Historiador e mora lá para fazer um Mestrado e conhece História da Rússia melhor que muitos russos. Ele tem feito há mais de um ano tours com brasileiros e outras nacionalidades já que fala bem Inglês e Russo. Ele tem ainda o Whatsapp do Brasil (11) 97639-3260 ou e-mail rafael_r_andrade@hotmail.com

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.