Pontos turísticos de Bruxelas

Um dos melhores pontos de referência e de encontro em Bruxelas é a Grand Place, a praça considerada uma das mais bonitas da Europa. Quem se hospeda nos arredores da área pouquíssimas vezes precisará utilizar o transporte público, que é bastante eficiente, diga-se de passagem. 

Confira aqui o nosso mapa de Bruxelas;

Na Grand Place em si encontram-se várias atrações, a exemplo da Maison du Roi (o Museu da Cidade de Bruxelas), a Prefeitura (Hôtel de Ville) e o museu da cerveja. A dica aqui é reservar um tempinho para admirar a beleza da praça, apenas. Esse é aquele tipo de lugar onde é possível passar um dia inteiro e ainda assim não conseguir visualizar todos os detalhes da maravilhosa arquitetura.

Arte-nas-ruas-do-centro-de-bruxelas

Depois de explorar o lugar, você pode aproveitar para bater perna pelos arredores, onde estão várias lojas, bares, casas de chocolate/waffles e a famosa estátua do Manneken-pis, o garotinho fazendo xixi. Não se assuste, porém, ao se deparar com uma escultura minúscula e que "se veste" para datas importantes. Em um museu nas proximidades, estão expostos pelo menos 900 looks da estátua, lembrando que o tíquete para a Maison du Roi também dá direito à entrada no Garderobe Manneken pis.

"Praça gourmet"

Outra área que vale a pena ser explorada nas redondezas é a do Sablon. Considerada a meca dos antiquários, a Place du Grand Sablon está cercada de belas construções, incluindo, ao centro, a fonte de Minerva, de 1751. A cerca de 200 metros dali, também encontra-se a Place du Petit Sablon, um pequeno jardim com fonte, criado pelo arquiteto Henri Beyaert, em 1890. Rodeado por 48 estátuas de bronze, o ponto turístico é ideal para momentos de descanso depois de umas boas caminhadas. 

A pouco mais de um quilômetro do Sablon, está a praça que abriga uma igreja dedicada a Sainthe Catherine. Registros dão conta de que a primeira capela do local foi erguida em 1200, porém a estrutura que se vê por lá, hoje em dia, é datada de 1854, em estilo romanesco, gótico e renascentista. Rodeada de restaurantes especializados em peixes e mariscos, é difícil imaginar que vários barcos de pesca navegaram um dia pela área que foi, por séculos, um importante mercado de peixes.

Bruxelas Mural-no-centro-de-bruxelas Bruxelas Bruxelas Bruxelas Bruxelas Place-de-st-catherine-bruxelas

Muito conhecido pelo mercado de pulgas diário e pelos cafés da place du Jeu de Balle/Vossenplein, o Marolles é outro bairro de Bruxelas que não pode passar despercebido. Inclusive, aconselhamos que você encerre o passeio pela área, assistindo ao pôr do Sol na praça Poelaert, que fica na parte de cima. Para acessar este terraço, basta pega o elevador gratuito, saiba mais aqui.

Tours 

Aqueles que desejam saber mais sobre a história de Bruxelas podem optar por um tour guiado como os da Sandeman's New Europe, que saem a todo momento da Grand Place. Os passeios são rápidos e mais superficiais, geralmente em inglês e espanhol, além de gratuitos (os guias trabalham com sistema de gorjetas).

Mas se você não fala inglês, espanhol ou simplesmente prefere um tour mais aprofundado, e em português, pode entrar em contato com a jornalista brasileira Viviane Vaz, da Id Internacional. A agência de turismo belga é bastante séria e também promove tours nos arredores da capital, em cidades como Ghent e Bruges. É só mandar um e-mail para contact@id-international.eu.

  • Ascenseur-marolles-poelaert-elevador-marollen-poelaert

    Ascenseur Marolles-Poelaert / Elevador Marollen-Poelaert

    Nota:  de 10 (0)

    O elevador panorâmico conduz o visitante do Marolles, na parte de baixo, até a Praça Poelaert, onde há um terraço que oferece belas vistas da capital belga. Em dias claros, é possível visualizar pontos turísticos importantes, entre eles o Atomium de Bruxelas.

    A dica de ouro, no entanto, é apreciar...

  • Atomium

    Atomium

    Nota:  de 10 (0)

    O Atomium é uma estrutura composta por nove esferas gigantes, de aço inoxidável, que formam um enorme e exuberante cristal de ferro. Construído em 1958 para a primeira feira mundial pós-guerra, o monumento de 102 metros — inicialmente temporário — é hoje uma das atrações mais famosas de...

  • Delirium-cafe

    Delirium Café

    Nota:  de 10 (0)

    A Bélgica é um dos principais produtores de cerveja do mundo e se há um lugar em Bruxelas ideal para degustar alguns dos melhores rótulos do país, este, sem dúvida alguma, é o Café Delirium. O menu tem pelo menos 200 páginas; tantos rótulos locais e internacionais renderam ao estabelecimento o...

  • Grand-place-grote-markt

    Grand Place/Grote Markt

    Nota:  de 10 (0)

    A Grand Place — ou Grote Markt, em flamengo — está para Bruxelas assim como a Torre Eiffel está para Paris. Ponto turístico mais famoso da capital belga, a praça patrimônio da Unesco começou a ser erguida no século XV, porém a arquitetura é do século XVII, cheia de elementos...

  • Igreja-notre-dame-du-sablon

    Igreja Notre Dame du Sablon

    Nota:  de 10 (0)

    A Notre Dame du Sablon é uma igreja que chama a atenção pela imponência e riqueza de detalhes do chamado estilo gótico tardio. A construção é do século XV, embora registros deem conta de uma capela fundada no mesmo local em 1304, comissionada pelos arqueiros da cidade. O interior do templo também...

  • Manneken-pis

    Manneken-pis

    Nota:  de 10 (0)

    De tão pequena, a famosa estátua/fonte do homenzinho fazendo xixi acaba causando uma certa decepção entre aqueles que a veem pela primeira vez. "Mas é só isso?", questiona a grande maioria. Situada a poucos metros da Grand Place, a área está sempre repleta de turistas, porém a verdadeira escultura...

  • Mont-des-arts-kunstberg

    Mont des Arts (Kunstberg)

    Nota:  de 10 (0)

    Do alto do Mont des Arts, tem-se uma das mais belas vistas da cidade, o que faz dele um local sempre muito movimentado, tanto de dia quanto de noite. Além de ser um ponto turístico que enche os olhos do visitante e sempre rende belas fotos — especialmente durante o pôr do sol —, o Mont abriga alguns dos museus mais importantes de...

  • Palacio-real-paleis-royale-de-bruxelles

    Palácio Real/Paleis Royale de Bruxelles

    Nota:  de 10 (0)

    A bela construção erguida no lugar do Palácio dos Duques de Brabant — destruído por um incêndio em 1731 — é tida como uma das mais famosas da capital belga. Nela, o rei da Bélgica exerce as suas funções de chefe de estado, apesar de não ter nenhum poder político direto.

    Situado na parte...

  • Parc-du-cinquantenaire-jubelpark

    Parc du Cinquantenaire (Jubelpark)

    Nota:  de 10 (0)

    Construído em 1880 em razão do 50º aniversário da independência da Bélgica, o Parc du Cinquantenaire tem uma área verde incrível, com jardins, fonte e construções imponentes, como o belo Arco do Triunfo. Um lugar perfeito para boas caminhadas, um delicioso piquenique e visitas a museus, a exemplo do ...

  • Parc-de-bruxelles-warandepark

    Warandepark / Parc de Bruxelles (Warandepark)

    Nota:  de 10 (0)

    Devido à proximidade com o Palácio Real, o Parc de Bruxelles acabava sendo muito utilizado pela realeza para a caça durante a Idade Média. Atualmente, o local é um das áreas de lazer mais importantes da cidade, com belos gramados verdes, árvores, esculturas e fontes. Ah, no verão, a agenda de eventos do parque costuma...

Tudo que você precisa saber sobre Bruxelas!

Esse texto sobre Pontos turísticos de Bruxelas faz parte do guia de Bruxelas no Melhores Destinos

Comentários para Pontos turísticos de Bruxelas

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.