Melhores Destinos
Belém
Monique Renne Repórter fotográfica. Com um mundo inteiro a ser descoberto.

Centro Histórico de Belém - Cidade Velha

O Centro Histórico marca o berço da cidade de Belém. A região, onde hoje está a Praça Dom Frei Caetano Brandão, preserva edifícios construídos entre os séculos XVII e XVIII. O conjunto arquitetônico, que ganhou o nome de Complexo Feliz Lusitânia, pode ser percorrido em um passeio rápido, em que será possível ver como a capital do Pará deu os primeiros passos para ser tornar a grandiosa Belém. 

Comece a visita pelo Forte do Presépio, edificação do início do século XVII considerada uma das primeiras da cidade que hoje funciona como espaço dedicado à cultura, história e arqueologia da cidade. Aproveite a linda vista do alto das muralhas para observar o movimento do Mercado Ver-o-Peso e do Centro Histórico. Após a visita ao Forte do Presépio, caminhe pelos jardins de frente para a Casa das Onze Janelas, um lindíssimo edifício do século XVIII com projeto do arquiteto italiano Antonio Landi. O casario colonial, que já serviu de residência de senhor de engenho e também de Hospital Real Militar, recentemente abrigou o Museu de Arte Contemporânea. Infelizmente, o museu foi fechado ao público e não há data prevista para reabertura. Na área externa, um jardim de esculturas fica constantemente aberto.

Siga o passeio rumo à Catedral Metropolitana de Belém. Fundada em 1616, quando a cidade ainda dava os primeiros passos para se tornar a grandiosa Belém, a igreja hoje é palco de grandes momentos da comemoração do Círio de Nazaré. Ao entrar na Catedral, repare nos afrescos, nas varandas de madeira e no órgão que está localizado no segundo andar. Outro espaço destinado à religiosidade no Centro Histórico é a Igreja de Santo Alexandre, onde funciona o Museu de Arte Sacra do Pará. Estique a visita até lá. Ao terminar o tour pelo Centro Histórico, vale seguir caminhando até o Mercado Ver-o-Peso.


Centro Histórico de Belém - Cidade Velha

Praça Dom Frei Caetano Brandão, s/n

Belém