Dicas de Genebra

Visto

Cidadãos brasileiros não precisam de visto de turismo para permanência de até 90 dias na Suíça e em outros países-membros do Acordo Schengen (Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça). Contudo, no momento do desembarque, serão exigidos passaporte válido e outros comprovantes, como passagem de ida e volta, comprovante de recursos financeiros, seguro-saúde válido em todos os países-membros do acordo, entre outros.

Segurança

Em geral, Genebra é uma cidade bem segura para o turista, porém, nos últimos anos, tem aumentado a ocorrência de roubos protagonizados por batedores de carteira. A dica é ficar bem atento a bolsas, carteiras e outros pertences, como câmeras e aparelhos celulares, em áreas muito turísticas ou de muito movimento, a exemplo da estação central de trens.

Também é bom evitar andar muito tarde da noite pela região de Paquis.

Gorjeta

Na Suíça, não é muito comum deixar gorjetas em restaurantes, bares, cafés ou hotéis. Um valor referente ao serviço já está incluído na conta; além disso, estes profissionais costumam ganhar uma boa quantia por mês e não dependem de gorjetas para incrementar o salário. No entanto, alguns locais fazem questão de deixar "um algo mais" quando o serviço foi bem prestado. Algo em torno de 5, 10 francos, um pouco mais caso seja um grupo grande de pessoas.

Tudo que você precisa saber sobre Genebra!

Esse texto sobre Dicas de Genebra faz parte do guia de Genebra no Melhores Destinos

Comentários para Dicas de Genebra

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.