Confusa aos olhos de alguns, completa aos olhos de outros. Lima é uma cidade de mil versões e opiniões, não há unanimidade. Se do avião parece um lugar marrom e sem vida, quando os pés tocam o chão a realidade é outra. Colorida e hospitaleira, a capital peruana revela ao mundo costumes e sabores que retratam a realidade de um povo alegre, com cara de América Latina. 

Caminhar por Lima é encantar-se com uma cidade a pleno vapor, que mistura séculos de sabedoria com todos os preceitos marcantes de uma metrópole. O trânsito complicado, cheio de buzinas e carros velhos, pode deixar os turistas aturdidos, mas a verdade é que até essa confusão tem certa graça. Curiosa e, às vezes, incompreensível, a cidade fica nublada quase o ano todo, com uma vantagem: praticamente não chove! É o destino perfeito para não perder passeios devido ao mau tempo. 

Há quem pense na cidade apenas como ponto de conexão para Cusco e Machu Picchu, porém basta conhecê-la para que esse pensamento se apague. Lima também é fonte de uma herança histórica incrível - Huaca Pucllana, a pirâmide lima em meio ao moderno bairro de Miraflores, e o Monastério de San Francisco, com suas tumbas, são grandes exemplos das maravilhosas riquezas que o Peru reserva. 

São nove milhões de habitantes - um terço da população peruana -, o que reflete uma ótima estrutura para o turista. Há muitas opções de pontos turísticos, hotéis e, claro, restaurantes. A culinária peruana, considerada uma das melhores do mundo, é miscigenação pura! Impossível não agradar. Como se não fosse suficiente a harmonia entre antigo e novo e o grande leque de possibilidades, o visual para o Oceano Pacífico visto dos rochedos gigantes é a cereja do bolo, encerrando as dúvidas de quem pensa se é uma viagem que vale a pena ser feita.

São muitos os motivos para visitar a capital: a linda vista para o Oceano Pacífico, os sítios arqueológicos, a arquitetura colonial, os museus incríveis, os jardins floridos, as pracinhas acolhedoras, os restaurantes, as lojas, os cassinos… Dia e noite, sempre há algo diferente para ver. Uma caixinha de surpresas, pronta para ser aberta, pronta para surpreender: Lima é tudo isso e muito mais.