Sydney

G’day mate! É assim o “bom dia” na Austrália, ou "Oz", como eles mesmos gostam de dizer. Capital do estado de New South Wales (Nova Gales do Sul), Sydney costuma ser confundida com a capital da Austrália, que na verdade é Camberra. A metrópole com cerca de 4,8 milhões de habitantes é a maior do país e concentra cerca de 20% da população nacional, e mesmo não sendo a capital, em alguns aspectos é quase como se fosse. 

A cidade mais visitada da Austrália é vibrante, moderna e segura. Fundada em 1788, sua história recente começa quando os pioneiros britânicos decidem fundar uma colônia penal no local. E no desenrolar dos fatos, de colônia penal e terras aborígenes, povo que ocupa o país há milhares de anos, ela se transformou na maior cidade da Oceania. Ela é como uma síntese do que a Austrália reserva aos seus visitantes. 

Sydney-opera-house

Não é em vão que muitas pessoas visitam Sydney e já pensam em se mudar para lá. A Austrália está sempre no topo da lista entre os países com melhor qualidade de vida do mundo e, por ser um local aberto a imigrantes, você encontra pessoas-e comida-de todo lugar. Australianos, ingleses, chineses, japoneses, mexicanos, brasileiros… É uma cidade onde as pessoas são atraídas pelas oportunidades e envolvidas pelo clima de tolerância às diferenças. 
 

Sydney é uma cidade urbanizada, com escritórios de multinacionais, edifícios altos, movimento constante de pessoas e veículos… Até o trânsito de embarcações na Baía de Sydney é de causar surpresa. Ao mesmo tempo, é um lugar que resgata hábitos simples. Ser cumprimentado por um anônimo com um sorriso ou curtir uma tarde na praia depois do trabalho é comum. O estilo de vida australiano que muitos almejam é superintessante; o país tem um povo acolhedor, amigável e, muitas vezes, desprendido. 

Sydney-opera-house Sydney-harbour-bridge Sydney-tower-eye Luna-park Coastal-walk-bondi-coogee

Seu símbolo maior, a Opera House, é certamente um passeio imperdível. Para quem não quiser, ou puder, assistir a um evento cultural no lugar, que vai muito além das óperas, a dica é curtir um fim de tarde no Opera Bar, um bar aberto, com um visual incrível; dele você tem a vista da Opera House e da Harbour Bridge, a ponte que fica sob a Baía de Sydney. É nela que acontece o grande show pirotécnico na virada de cada ano que faz com que Sydney tenha uma das melhores festas do planeta! 

Para ver Sydney do alto, não deixe de ir à Sydney Tower Eye. Lá de cima você vai poder ter uma ideia geral da cidade e admirar o belo Hyde Park, ótimo para curtir a sombra de uma árvore e descansar. Darling Harbour, uma área portuária que tem bastante comércio e muito entretenimento, é indicada a qualquer hora do dia, seja para ir de manhã tomar um café, almoçar, ou para curtir a vida noturna e suas atrações. 

Bondi-beach Bondi-beach Tamarama-beach Bronte-beach Bronte-beach

Um ponto que exemplifica bem a maneira com que Sydney reúne urbanidade com natureza, é Bondi Beach. A praia de Bondi (se fala “bondai”) e o bairro ao redor tem um astral alegre e o mar, com águas incríveis, agrada desde surfistas a famílias com crianças. Para o passeio ficar completo, faça a caminhada entre Bondi e Coogee, uma outra praia linda, e aí sim você vai entender o porquê de Sydney ser considerada uma das cidades mais bonitas do mundo. Aos domingos, aproveite o valor baixo do transporte público e pegue um ferry até Manly, mais uma das praias que são a cara do verão. 

Próspera, multicultural, ideal para passear a pé, curtir um mergulho no mar e tomar um sorvete para aplacar o calor. Ela é cara e pesa no bolso, mas "no worries", porque Sydney proporciona tanta beleza e aprendizado ao estilo de vida e valores australianos que vale cada centavo.