Melhores Destinos
Jericoacoara
Jéssica Weber Jornalista apaixonada por mato e praia, interessada na história dos lugares, na arquitetura das cidades e em comida, é claro.

O que fazer em Jericoacoara

Ao mesmo tempo em que Jericoacoara é um lugar para relaxar com uma caipirinha na mão, não decepciona quem quer aventura em meio às dunas. Isso em um dos cenários mais lindos e preservados do nosso Nordeste.

O que fazer em Jericoacoara

Eu tenho três dicas preliminares, e depois vamos enumerar tudo o que tem para fazer em Jericoacoara. 

Dica número 1: guarde seus calçados fechados. O bom e velho chinelo de dedos vai ser seu fiel escudeiro pelas ruas de areia de Jeri. 

Dica número 2: Aproveite cada hora de sol. Tanto para pegar uma prainha quanto para fazer passeios pela região, Jeri é daqueles lugares em que valem a pena acordar cedo. Normalmente os buggies saem da vila às 9h, quando o sol já está pegando. 

Dica número 3: escolha um bom hotel. Jeri tem uma rede hoteleira incrível, você precisa tirar bom proveito disso, né? 

Jericoacoara - as melhores opções de hospedagem!

A lista a seguir apresenta ótimas opções de hospedagem em Jericoacoara. As acomodações estão em ordem alfabética e foram escolhidas pela nossa equipe, priorizando qualidade, preço das diárias e localização. Também incluímos as notas do Booking.com, que indicam a avaliação que hóspedes reais tiveram da acomodação.

HOTEL NOTA LINK
Espaço Nova Era Pousada 9.4 Ver preços
Pousada Villa Caju 9.2 Ver preços
Villa Medina Jeri 9.2 Ver preços
Villa Chic Hostel Pousada 9.2 Ver preços
Pousada Munguba 9.0 Ver preços
Mandala Hostel Jeri 9.0 Ver preços
Essenza Hotel 8.9 Ver preços
Residence Bons Ventos Jeri 8.9 Ver preços
Pousada Por do Sol 8.0 Ver preços
My Blue Hotel 8.0 Ver preços

O que fazer em Jericoacoara: 7 dicas imperdíveis

1. Aproveite as praias de Jericoacoara

Se sua intenção é mergulhar no mar, a Praia de Jericoacoara é a orla junto à vila e tem a melhor infraestrutura para os visitantes, com restaurantes à sombra de árvores, hotéis pé na areia e ambulantes vendendo de tudo. Alguns estabelecimentos têm cadeiras e sombreiros que facilitam a vida de quem não quer se preocupar com muita coisa, e há também um beach club na Praia de Jeri, o ClubVentos, com lounge bar, espreguiçadeiras e bangalôs.

O que fazer em Jericoacoara

Ao lado, fica a Praia da Malhada, bem menos frequentada que a vizinha ilustre e sem nada de infraestrutura. O cenário muda totalmente também, tendo como moldura os paredões do Morro do Serrote.

2. Tire boas fotos na Pedra Furada

A Malhada é caminho para a Pedra Furada quando há maré baixa, em uma caminhada de aproximadamente uma hora passando por cavernas (foto abaixo), piscinas naturais e pedras de formatos curiosos.

O que fazer em Jericoacoara

A Pedra Furada é um símbolo de Jeri, é uma grande rocha em forma de arco moldada pela ação das ondas. Se a maré está alta, é necessário ir por cima do Morro Serrote — você vê a trilha logo que entra na Vila de Jeri, é uma caminhada bonita também.

3. Curta o clima da Vila de Jericoacoara

Na Vila de Jericoacoara, o mais gostoso é se embrenhar pelas charmosas ruazinhas de areia, descobrindo lojinhas e restaurantes maravilhosos. E é à noite que ela acorda: barzinhos e restaurante têm música ao vivo, especialmente forró, há festas de pagode sem lugar fixo, e o Café Jeri é o point de quem gosta de música eletrônica. Leia mais sobre a noite em Jericoacoara.

O que fazer em Jericoacoara

4. Relaxe nas lagoas de Jericoacoara

As lagoas da região são tão ou até mais famosas do que o mar de Jericoacoara, perfeitas para um bom banho. São elas:

  • Lagoa do Paraíso: tem a coloração mais bonita entre as lagoas da região, com tons de verde, azul-claro e azul-escuro misturando-se. A lagoa tem água morna e é bem calminha. Além dos restaurantes mais simples, ali fica o beach club mais badalado da região, o Alchymist. Integra o roteiro do passeio leste.
  • Lagoa Azul: você já começa a entrar no clima na chegada, quando deixa o carro ou o buggy em um estacionamento na areia e atravessa a lagoa com uma jangada a vela para acessar a área balneável. A água é muito gostosa, sem ondas, por mim eu estava boiando lá até hoje. Integra o roteiro do passeio leste.
  •  Lagun Beach e Buraco Azul: são lagoas artificiais no município de Caiçara, que impressionam pelo tom azul turquesa da água. Ambas têm restaurante e atrativos como voo de helicóptero e cobram ingresso.
  • Lagoa da Tatajuba:É a lagoa mais conhecida do passeio oeste. Tem um escorregador que termina dentro da água e vários restaurantes no entorno, que colocam mesas dentro e fora da água. Quem quiser pode aproveitar para alugar um caiaque ou uma prancha de stand up.
  • Lagoa da torta: fora dos roteiros tradicionais de Jericoacoara, é um lugar para quem quer fugir do agito e não tem medo de pegar chão. Fica ainda depois da Lagoa de Tatajuba, no passeio oeste, dá cerca de uma hora e meia da Vila de Jeri. É bem tranquila, e dá para alugar caiaque, stand up paddle e até equipamento de windsurf.

O passeio oeste, ainda tem como atrações o Mangue Seco, um cenário supercurioso cheio de raízes e troncos torcidos, e o passeio para ver cavalos marinhos em seu habitat natural.

5. Veja o pôr do sol em Jericoacoara

O pôr do sol em Jericoacoara é muito especial, e a gente tem algumas dicas de onde você pode assisti-lo: 

  • Duna do Pôr do Sol: o nome já explica tudo. É uma duna à esquerda de quem chega à Praia de Jericoacoara, com uma vista linda do mar, da praia e, é claro, do pôr do sol. 
  • Barrinha de Baixo: é uma praia vizinha, cercada por grandes dunas e matas de coqueiros. Muita gente as sobe de buggy para assistir ao entardecer.
  • Café Jeri: esse é o point da música eletrônica, na Rua do Forró, e seu rooftop é o lugar certo para assistir ao pôr do sol enquanto curte uma balada.
  • Lagoas do Amâncio:  São lagoas que se formam entre dunas do Parque Nacional de Jericoacoara. No final do período de chuvas, com as lagoas cheias, o pôr do sol é lindo. 
  •  Praia de Jericoacoara: a opção mais cômoda de todas, não perde em beleza para as outras. O sol se põe no mar de Jeri e colore toda a praia de laranja. Não sei explicar, é melhor mostrar:

O que fazer em Jericoacoara

6. Pratique um esporte novo

Jeri é um destino ótimo para a prática de esportes no mar, como o kitesurf (uma pipa e uma prancha com suporte para os pés), windsurf (uma prancha a vela) e o wingfoil (prancha de quilha comprida e fina, que permite ao praticante ficar completamente fora da água, e uma asa direcionada com as mãos). Essa última é mais nova, e parece que o povo está levitando, que nem toca a água.

Além de praticantes, a Praia de Jericoacoara tem gente disponibilizando equipamento para aluguel e também oferecendo aulas para iniciantes. Outro pico, possivelmente, ainda mais disputado, é a Praia do Preá (foto), a 11km de Jeri — eram centenas colorindo o céu com suas pipas. Outro lugar que reúne kitesurfistas é a Praia do Mangue Seco. Quem faz o passeio oeste vê uma multidão deslizando e até mesmo voando sobre a água, na foz do Rio Guriú. 

O que fazer em Jericoacoara

7. Não resista a umas comprinhas 

Jeri não é referência em compras, mas duvido que você passe pelas lojinhas da vila sem se encantar com alguma peça. Tem lojas de decoração que vendem desde estatuetas simpáticas de santos a redes e as lojas de roupas são voltadas, principalmente, para moda praia. Vendem vestidos, biquínis, sungas além de camisas com proteção solar — a compra mais responsável que já fiz na vida, bem interessante para os passeios de buggy e quadriciclo.

As crocheteiras do Ceará ficaram com boa parte do meu salário: tem várias lojas, com tops, saias, vestidos, chapéus, bolsas e até casaquinhos coloridos, lindos demais. E aposto que as obras de arte e os artesanatos expostos em panos na Rua Principal vão ganhar sua atenção.  

O que fazer em Jericoacoara