A cerca de 300 quilômetros de distância de Lisboa, ao Norte de Portugal, está o Porto, a segunda maior cidade e também uma das mais antigas do país. Situada à margem direita do Rio Douro, o destino encanta à primeira vista pela mistura do concreto das construções antigas com paisagens naturais de tirar o fôlego, pela história, gastronomia de primeira, atrações para todos os públicos e também pela receptividade com o turista.

Andar pelas charmosas ruelas do Porto, inclusive, é como revisitar o passado. Ao caminharmos pelo calçamento de paralelepípedos e nos deslumbrarmos com tamanha beleza, sentimos o verdadeiro espírito do destino que, em 1996, teve o seu centro histórico reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco (basicamente, até os limites da Muralha Medieval).

E por falar em paisagens bonitas, daquelas de deixar qualquer um de queixo caído, não podemos deixar de mencionar aqui as famosas pontes do Porto, construções que possibilitam a contemplação da cidade nas mais diversas horas do dia. Entre elas está a ponte ferroviária Maria Pia (1877), projetada por ninguém menos do que o francês Gustave Eiffel.

Outra ponte bem conhecida é a rodoviária Luís I - cuja estrutura foi finalizada por um estudante de Eiffel. Lembrando que a visita ao Porto não fica completa sem que o turista utilize a estrutura para fazer a travessia até "o outro lado" do Rio Douro, onde está Vila Nova de Gaia, um município onde se encontram caves do vinho do Porto, como a Sandeman, a Taylor e a Cálem. Locais que promovem passeios monitorados todos os dias e onde o visitante terá uma boa noção de tipologia, métodos de fabricação e sabor do vinho.

Moeda

Assim como na maioria dos países europeus, em Portugal a moeda oficial é o Euro (€). A diferença é que o turismo nas cidades portuguesas é considerado bem mais em conta do que em Paris e Londres, por exemplo.

Prova disso é que com 10 ou 15 euros, até menos do que isso, em alguns casos, consegue-se fazer uma bela refeição no Porto. Além disso, as entradas cobradas na maior parte das atrações não são caras, nem mesmo nas caves do vinho do Porto.

Na "capital do Norte", como é chamada, você ainda vai encontrar um povo bastante simpático e que costuma tratar bem o turista. Aproveite o fato de dominar o mesmo idioma que os anfitriões para explorar ao máximo tudo o que a cidade tem para oferecer, os habitantes locais falam com orgulho sobre as maravilhas da região, que é uma das mais turísticas do país!

A seguir, o MD apresenta uma seleção do que há de melhor no Porto: pontos turísticos interessantes, restaurantes, passeios e uma série de dicas úteis para quem está de malas prontas para este destino turístico fantástico. Vamos nessa?