Península de Maraú

Quando ir a Barra Grande e Península de Maraú

A Península de Maraú é um bom destino para ser visitado durante todo o ano. Entretanto, alguns detalhes podem fazer a diferença na viagem, como a alta das chuvas e a maré correta para ver as piscinas naturais. Apesar de ser um lugar paradisíaco e repleto de praias, a região entre Barra Grande e Taipu de Fora tem difícil acesso, o que faz que com que ela nunca fique lotada, mesmo em feriados prolongados e férias escolares. Ótimo para quem só consegue viajar na alta temporada. A maioria das praias têm faixa de areia bem longa e sempre haverá um cantinho de areia praticamente particular para curtir o dia.

Praia-da-ponta-do-muta

O clima na Península de Maraú é sempre quente, sendo que as maiores temperaturas são registradas no verão, entre dezembro e março, quando a mínima é de 23°C e a máxima chega a 29°C. Já o inverno, entre junho e setembro, é marcado por temperaturas um pouco mais baixas, com mínima de 21°C e máxima de 24°C, em julho, auge da estação mais fria.

Durante todo o ano, há presença de chuvas na Península de Maraú. Não há uma estação seca na região. O período com menor índice pluviométrico vai de setembro a fevereiro, o que é ótimo para quem deseja aproveitar o verão. O mês mais “seco" é janeiro, com média de 140 mm de chuva. Já o período com maior incidência de chuvas vai de março a julho, sendo o auge no mês de abril, quando a média é de 224 mm. Nos meses em que há maior incidência de chuvas é preciso ficar muito atento às condições das estradas, que podem se tornar intransitáveis para carros comuns. Caso haja previsão de chuva para a sua viagem, entre em contato com a pousada para verificar como estão as pistas de acesso à Península de Maraú. Se as condições estiverem muito precárias, prefira o acesso de lancha via Camamu. Veja mais sobre como chegar à Península de Maraú.

Praia-de-taipu-de-fora

Alta temporada

A alta temporada na Península de Maraú é marcada pelo verão, especialmente depois do Natal e até o Carnaval. É nesse período que a temperatura fica mais alta e as chuvas diminuem. Os feriados prolongados também costumam ser disputados, assim como as férias escolares do mês de julho.

Praia-de-algodoes

Tábua de marés

Um detalhe muito importante e que faz grande diferença na visita à Península de Maraú é a maré. Para ver o auge da beleza nas piscinas naturais de Taipu de Fora e Praia de Algodões é preciso estar nas praias durante a maré baixa, preferencialmente na lua nova e lua cheia, quando a variação de maré é maior. O fenômeno das piscinas naturais é perceptível apenas na maré baixa. Nas luas crescente e minguante, a variação do nível da água do mar é menor e não será possível ver com tanta intensidade a formação de piscinas, fenômeno que é o principal cartão postal da Península de Maraú.

Praia-de-taipu-de-fora

Para identificar o horário e nível da maré baixa na região, é necessário consultar a tábua de marésQuanto menor o número indicado, mais baixa a maré. E quanto mais baixa, mais fácil de ver as piscinas. Por exemplo: Uma maré em 0,1 m é muito baixa. Já a maré em 2,2 m é muito alta. Para ver as piscinas, o ideal é que a maré esteja, no máximo, em 0,5 m. A maré baixa pode acontecer em até dois horários no mesmo dia, por isso é importante consultar a tábua antes de ir à praia.

Tudo que você precisa saber sobre Península de Maraú!

Esse texto sobre Quando ir a Barra Grande e Península de Maraú faz parte do guia de Península de Maraú no Melhores Destinos

Comentários para Quando ir a Barra Grande e Península de Maraú

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.