O que fazer no Jalapão

A exuberante região Jalapão atrai visitantes que estão em busca de dias de descanso em meio a paisagens espetaculares. Na região não há grandes cidades, o sinal de celular é escasso e muitas pousadas e campings não oferecem televisão. É o lugar ideal para desconectar do lado urbano da vida e se ligar ao que há de mais espetacular na natureza. Os dias que os turistas passam no Jalapão são dedicados totalmente a sentir de perto cada um dos atrativos naturais do cerrado do Tocantins. Não faltará atividade para preencher os dias e à noite você ainda terá um céu incrivelmente estrelado para curtir. Abaixo, veja mais sobre o que fazer no Jalapão!

Serra-do-espirito-santo  

Assista ao pôr do sol nas Dunas do Jalapão e na Pedra Furada

A cor dourada que emana das Dunas do Jalapão faz do lugar o mais popular de toda a região. Em meio ao cerrado, as dunas cresceram sob efeito da erosão da Serra do Espírito Santo e hoje formam um cenário magnífico no Tocantins. Percorrer as Dunas do Jalapão é sentir de perto a dimensão da beleza local. E o passeio se torna ainda mais impressionante ao pôr do sol, quando a cor das dunas se intensifica sob o entardecer. A subida até o topo da duna principal é fácil e o roteiro faz parte de todas as agências que visitam o Jalapão. O ideal é chegar com tempo de sobra para curtir a mudança de cores da areia que acontece ao final da tarde e também para caminhar por várias dunas, não só pela duna principal.

Se o seu negócio é ver pôr do sol, não perca também a chance de assistir a esse espetáculo na Pedra Furada. A formação de arenito em meio ao cerrado ganhou buracos naturalmente esculpidos pelo vento que tornam o lugar ainda mais especial. O sol entra pelas frestas da rocha e fazem da Pedra Furada um ponto imperdível para investir em lindas fotos do Jalapão.

Pedra-furada  

Flutue em vários fervedouros

O fenômeno é único e, exatamente por isso, tão especial. Ao visitar o Jalapão, não deixe de experimentar a sensação de flutuar em um dos fervedouros da região. As nascentes em meio ao cerrado do Tocantins brotam de lençóis freáticos com tanta pressão que fazem com que as pessoas flutuem na água sem nenhum esforço. A areia em suspensão na água dá a falsa impressão de que há fundo na piscina dos fervedouros. Não se engane! Nos pontos onde brota a água das nascentes é impossível tocar o pé no chão. Estima-se que haja fervedouros com até trinta metros de profundidade. Apesar da estranheza inicial ao nadar em um local "sem fundo", a experiência é absolutamente incrível. Entre os fervedouros mais famosos estão o Fervedouro do Ceiça, primeiro a ser descoberto, e o Fervedouro Bela Vista, considerado o mais bonito da região. Veja mais sobre os fervedouros do Jalapão.

Fervedouro-bela-vista  

Faça a trilha da Serra do Espírito Santo ao nascer do sol

O cenário da Serra do Espírito Santo marca a entrada do Parque Estadual do Jalapão ao lado das dunas. Do alto da areia dourada, é possível ver a imponente formação de arenito onde começa o processo de erosão que dá origem ao "Deserto do Jalapão". Porém é do alto da própria serra que a paisagem é ainda mais impressionante. Contudo, para chegar até lá, é preciso enfrentar uma árdua subida, equivalente a um prédio de 83 andares. A trilha até o mirante principal leva, em média, cinquenta minutos. O mais recomendado é fazê-la ainda de madrugada, quando o calor é menos intenso. Ao final do percurso, o presente para os turistas é o espetacular nascer do sol atrás da serra. Veja mais sobre a trilha para subir a Serra do Espírito Santo.

Serra-do-espirito-santo  

Curta o Rio Novo

Considerado um dos maiores rios de água potável do mundo, o Rio Novo cruza o caminho dos turistas em vários pontos do Jalapão. Aproveite para curtir o lugar de várias maneiras, seja em uma praia de areia branca à margem do rio, apreciando o visual da grandiosa Cachoeira da Velha ou em um emocionante rafting ou caiaque, descendo pelas corredeiras. O importante é não deixar de experimentar as límpidas e refrescantes águas do Rio Novo sempre que possível.

Cachoeira-da-velha  

Visite várias cachoeiras

O Jalapão tem sido chamado de o Deserto das Águas, isso porque em meio à paisagem inóspita do cerrado há diversas cachoeiras nos rios que cortam a região. Aproveite para se refrescar em cada uma delas! A maior — e mais famosa — queda d’água do Jalapão é a Cachoeira da Velha, que encanta pela potência da água que desce do Rio Novo e permite até a prática de rafting. Já a Cachoeira do Formiga está entre as mais lindas atrações da região, tudo devido à impressionante e intensa coloração verde das águas. O poço é um dos melhores para banho e a cachoeira conta ainda com uma deliciosa piscina natural transparente.

Cachoeira-do-formiga  

Para quem está saindo de Palmas a caminho de Mateiros, é possível visitar a Cachoeira da Roncadeira, com 70 metros de queda; a Cachoeira do Escorrega Macaco, com 55 metros de queda; a Cachoeira do Lajeado, com pequenas quedas d’água em sequência até o poço principal; e também as cachoeiras do Rio Soninho Grande e Pequena, uma com linda queda d’água para fotos e a outra com deliciosas pequenas quedas para banho. Além delas, um bom ponto de parada é o Cânion do Sussuapara, que oferece um cenário encantador em meio a paredões cobertos por cortinas de água que escorrem das veredas do Jalapão. Para quem está indo embora do Jalapão saindo de São Félix, vale uma parada na Cachoeira das Araras, tanto para almoço quanto para banho. É uma boa despedida das águas do Jalapão.

Cachoeira-da-arara  

Observe o céu à noite

O Jalapão é daqueles lugares com dias maravilhosos e noites ainda mais espetaculares. Especialmente na seca, quando as chuvas são escassas, o sol oferece espetáculos para os visitantes, porém é à noite que tudo se torna ainda mais impressionante. Para quem mora em grandes centros urbanos, é muito raro ver um céu estrelado, mas no Jalapão a intensidade das estrelas é tamanha que é possível até mesmo ver a via láctea a olho nu. Se você é um fã de estrelas, não deixe de levar uma boa câmera e um tripé para registrar um pouco da imensidão do céu do Jalapão também depois do anoitecer. Quem sabe dá até para aliar a observação das estrelas com uma fogueira ou um banho no Rio Novo.

Jalapao  

Compre algumas peças de capim dourado

O que parece ser um capim comum se torna um especial ingrediente para os mais belos produtos regionais do Jalapão. Pelas mãos dos artesãos da região, o Capim Dourado ganha nova forma e vira bolsas, chapéus, bijuterias e objetos de decoração. O capim raro é encontrado apenas no Jalapão, por isso tem a colheita controlada, para que não entre em extinção. Aproveite as lojinhas dos artesãos locais, especialmente nas cidades de Ponte Alta, Mateiros, São Félix e na comunidade quilombola do Mumbuco e compre os produtos direto das mãos dos produtores.

Jalapao  

Dê um passeio em Palmas

Para chegar ao Jalapão, os viajantes necessariamente passarão por Palmas, capital do Tocantins. Aproveite o dia para conhecer a cidade planejada e também as deliciosas praias à beira do Lago de Palmas. Em um passeio pela Praça dos Girassóis, será possível ver alguns monumentos, além do Palácio Araguaia (sede do Governo do Estado do Tocantins e onde está o ponto geodésico do Brasil) e do Memorial Coluna Prestes (com projeto de Oscar Niemeyer). Se a pedida for um passeio mais tranquilo ou com mais verde, o lugar é o Parque Cesamar.  

Jalapao  

Para quem prefere curtir a água, a Praia da Graciosa oferece uma linda orla repleta de quiosques e flutuantes festivos. Já a Praia do Prata atrai os visitantes que desejam não só curtir a água, mas passar o dia inteiro sentado dentro dela. Isso porque as mesinhas dos restaurantes ficam dentro do rio. Vale apenas dizer que nos finais de semana as duas ficam bem cheias e no meio do dia o calor é muito intenso. O melhor horário para ir às praias é depois de quatro da tarde, já para o pôr do sol. Quem estiver com um pouco mais de tempo pode pegar um barco na Praia da Graciosa e atravessar até a Ilha Canela, onde há boa variedade de restaurantes e o turismo náutico é bem agitado. É um bom programa para fechar a viagem!

  • Cachoeira-do-formiga

    Cachoeira do Formiga

    Nota: 5.0 de 10 (1)

    O intenso verde esmeralda da água da Cachoeira do Formiga encanta os turistas que visitam o Jalapão. A cachoeira está entre as mais belas da região e, com toda certeza, entre as mais visitadas. A queda d’água não é muito grande, mas a piscina que se forma é maravilhosa! E a boa notícia é que a...

  • Dunas-do-jalapao

    Dunas do Jalapão

    Nota: 5.0 de 10 (1)

    O intenso dourado toma conta das Dunas do Jalapão ao pôr do sol. A areia ganha nova tonalidade e leva ainda mais beleza ao lugar. Em meio ao cerrado, o fenômeno único ajudou a dar fama ao Parque Estadual do Jalapão. A cada final de tarde, o espetáculo reforça que a beleza local é mesmo inesgotável.

    As Dunas do...

  • Fervedouro-bela-vista

    Fervedouro Bela Vista

    Nota: 5.0 de 10 (2)

    Considerado o mais bonito do Jalapão, o Fervedouro Bela Vista é visita imperdível para quem está na região. A piscina desse fervedouro é a maior entre todos os fervedouros abertos para visitação e conta com 15 metros de diâmetro de água transparente e incrivelmente azul. É impossível...

  • Fervedouro-do-alecrim

    Fervedouro do Alecrim

    Nota: 5.0 de 10 (1)

    O Fervedouro do Alecrim compete em tamanho e beleza com o Fervedouro Bela Vista. O formato dos dois é bem semelhante, assim como infraestrutura de madeira para acesso à piscina. A principal diferença entre os dois é a cor. Enquanto o Bela Vista é azul, o Fervedouro do Alecrim é extremamente verde. Uma cor única entre os...

  • Fervedouro-do-ceica

    Fervedouro do Ceiça

    Nota: 5.0 de 10 (1)

    Primeiro fervedouro a ser divulgado para o público, o Fervedouro do Ceiça ainda hoje está entre os mais famosos e visitados do Jalapão. O poço tem uma nascente principal e a intensidade da pressão é bem alta, fazendo com que os visitantes flutuem com facilidade. O fervedouro é bem redondo e cercado por bananeiras...

  • Fervedouro-dos-buritis

    Fervedouro dos Buritis

    Nota: 5.0 de 10 (1)

    O Fervedouro do Buriti encanta pela linda cor da água, que varia entre verde e azul, a depender do sol, e também pelos grandiosos buritis que cercam o local. Com grau de flutuação leve e muito verde ao redor, esse fervedouro agrada pela grande piscina e transparência da água. Ótimo para cliques subaquáticos! Na entrada...

  • Fervedouro-do-buritizinho

    Fervedouro do Buritizinho

    Nota: 4.0 de 10 (1)

    Com água extremamente transparente e de azul intenso, o Fervedouro do Buritizinho se destaca como um dos mais belos do Jalapão. Nadar em meio à natureza que cerca o local é uma experiência incrível e digna de muitas fotos. O Fervedouro do Buritizinho tem formato de gota e a nascente é mais profunda se comparada a outros...

  • Fervedouro-do-encontro-das-aguas

    Fervedouro do Encontro das Águas

    Nota: 4.0 de 10 (1)

    O Fervedouro do Encontro pode não ser o maior ou mais bonito do Jalapão, mas certamente é o mais forte! A nascente desse fervedouro tem alta pressão e é muito difícil afundar mesmo com outra pessoa empurrando você para baixo. Com uma nascente única, esse fervedouro é o ideal para quem deseja sentir intensamente a...

  • Cachoeira-da-velha

    Cachoeira da Velha

    Nota:  de 10 (0)

    A Cachoeira da Velha é uma das principais atrações localizadas dentro do Parque Estadual do Jalapão e a maior cachoeira da região. A potência dessa queda d'água oferece espetáculo grandioso para os turistas, que podem chegar bem perto seguindo pela plataforma de madeira construída especialmente para...

  • Cachoeira-da-arara

    Cachoeira das Araras

    Nota:  de 10 (0)

    A Cachoeira das Araras é uma parada estratégica para quem está saindo de São Félix do Tocatins a caminho de Palmas. Ela é um ótimo refresco e também excelente ponto para almoço antes de pegar a estrada até a capital. A Cachoeira não tem uma queda d’água muito grande, mas o...

  • Cachoeira-do-rio-soninho-grande-e-pequena

    Cachoeira do Rio Soninho Grande e Pequena

    Nota:  de 10 (0)

    A forte queda, com cerca de trinta metros de altura, desafia os turistas a entenderem por onde escorre a água da Cachoeira do Soninho Grande. O grande volume de água que desce do Rio Soninho desaparece em meio a buracos e fendas esculpidos na paisagem. É hipnotizante observar a dança da água nessa cachoeira. O local não é...

  • Canion-do-sussuapara

    Cânion do Sussuapara

    Nota:  de 10 (0)

    A paradinha é estratégica para quem está chegando ao Jalapão. Depois de sacudir nas estradas de terra, um intervalo no Cânion do Sussuapara cai muito bem. O local está a 12 km de Ponte Alta e é ideal para quem está chegando de Palmas. Por isso é comum que as agências façam uma visita à...

  • Fervedouro-da-korubo

    Fervedouro da Korubo

    Nota:  de 10 (0)

    A Korubo, agência de turismo que opera um camping safári no Jalapão, oferece aos turistas um fervedouro exclusivo. Apenas quem faz o tour para o Jalapão com a Korubo poderá entrar nesse fervedouro. A má notícia é que os turistas que viajam com a Korubo conhecem apenas este e nenhum outro (antigamente a agência...

  • Fervedouro-do-rio-sono

    Fervedouro do Rio Sono

    Nota:  de 10 (0)

    O Fervedouro do Sono tem um poço repleto de nascentes e um buriti estrategicamente posicionado que torna o visual ainda mais belo. Ao entrar na água, você poderá escolher a nascente mais forte e se posicionar sobre uma delas para flutuar. A água é um pouco mais gelada que o normal de outros fervedouros, mas o tempo quente ajuda a...

  • Pedra-furada

    Pedra Furada

    Nota:  de 10 (0)

    O pôr do sol na Pedra Furada é comparável à beleza do pôr do sol nas Dunas do Jalapão. Esculpidos na rocha de arenito em meio ao cerrado, os buracos permitem cenários espetaculares para apreciar o entardecer e, claro, fazer muitas fotos! É o lugar ideal para aquele retrato inesquecível do Jalapão. Do alto...

  • Prainha-do-rio-novo

    Prainha do Rio Novo

    Nota:  de 10 (0)

    Considerado um dos maiores rios de água potável do mundo, o Rio Novo é um dos melhores pontos do Jalapão para um mergulho. Apesar de haver dezenas de pequenas praias ao longo do curso do rio, uma específica atrai a atenção dos turistas. E não é para menos! A Prainha do Rio Novo, localizada a poucos metros da...

  • Serra-do-espirito-santo

    Serra do Espírito Santo

    Nota:  de 10 (0)

    A Serra do Espírito Santo é uma das mais emblemáticas paisagens do Jalapão. O longo e reto platô de arenito é seguido pela formação em pirâmide em uma das pontas, uma silhueta inconfundível e que se tornou marca registrada da região. A Serra do Espírito Santo está localizada ao lado das...

Tudo que você precisa saber sobre Jalapão!

Esse texto sobre O que fazer no Jalapão faz parte do guia de Jalapão no Melhores Destinos

Comentários para O que fazer no Jalapão

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.