Capitólio

Pontos turísticos de Capitólio

Para conhecer os principais pontos turísticos de Capitólio, serão necessários ao menos sete dias de viagem. Atrações mais famosas, como o Lago de Furnas e o Mirante dos Cânions de Capitólio (ou Cânions de Furnas), podem ser visitadas tranquilamente em um final de semana. Capitólio, no entanto, merece bem mais que apenas dois dias de viagem. Com uma semana por lá, você conhecerá as principais cachoeiras, poderá fazer o passeio de barco ou chalana pelo Lago de Furnas e ainda terá tempo de ir à maravilhosa Serra da Canastra. Vale cada minuto da viagem! Agora... Se o que você tem é apenas um feriado prolongado, não se preocupe. Capitólio estará igualmente linda te esperando e sempre vale a pena se programar para voltar mais uma vez!

Ao pegar a estrada rumo a Capitólio, prepare-se para dias repletos de cenários maravilhosos. A região é farta em beleza natural e não será difícil ficar encantado a cada nova atração. Vale dizer que grande parte dos atrativos está localizada nos arredores da rodovia MG-050, o que facilita bastante a montagem do roteiro, mas torna praticamente obrigatório um carro. Não há transporte público que leve aos principais pontos turísticos e é preciso estar motorizado para chegar até eles. Se não estiver de carro, a solução será contratar os serviços de uma agência de turismo para os passeios em Capitólio. A maioria dos atrativos pode tranquilamente ser visitada com um carro comum, mas é importante dizer que, para chegar a alguns deles, é altamente recomendável o uso de veículos com tração 4x4, especialmente no período de chuva. Se estiver na dúvida sobre ir de carro ou contratar passeios, veja nosso post sobre como se locomover em Capitólio.

Para começar a viagem por esse pedacinho encantador de Minas Gerais, experimente um passeio de lancha ou chalana pelo Lago de Furnas e veja bem de perto os Cânions de Capitólio. Durante o dia de navegação pelo “Mar de Minas Gerais”, você poderá nadar sob a queda d’água da Cachoeira Lagoa Azul, da Cachoeira Cascatinha e da Cachoeirinha da Ilha, além de curtir bares flutuantes e restaurantes com linda vista para o Lago de Furnas. Se você for do tipo que adora uma balada, com sorte ainda participará de algumas festas que reúnem lanchas e barcos durante os feriados e agitam as águas de Capitólio.

Depois de nadar no Lago de Furnas, não deixe de conferir a paisagem por outro ângulo. É a partir do Mirante dos Cânions de Capitólio que se tem a mais linda vista da região e também a mais famosa entre os turistas. O Mirante dos Cânions oferece três diferentes pontos de observação, além de um bom banho em uma gostosa corredeira que deságua no Lago de Furnas. O espaço — que já teve acesso gratuito, porém agora tem cobrança de R$ 20 por pessoa — está sendo reestruturado e promete novos mirantes em breve, incluindo o Mirante Escondido, de onde se tem visual para as duas cachoeiras dos Cânions de Capitólio.

Agora é hora de começar a explorar as cachoeiras da região! E serão muitas para conhecer! Se você tem apenas um feriado prolongado e precisa ir direto ao ponto, nossas sugestões são as Cachoeiras da Trilha do Sol, as Cachoeiras Retiro Viking, a Cachoeira da Capivara (com a Cachoeira da Pedra Ancorada) e as cachoeiras dos complexos Pé de Serra e Paraíso Perdido (vizinhas que dividem praticamente o mesmo circuito de quedas d’água). Cada um dos complexos rende um bom passeio de meio dia ou dia inteiro e todos oferecem lindas quedas d’água. Vale dizer que o acesso a todas as cachoeiras é pago. 

Para quem tem um pouco mais de tempo ou procura cachoeiras de acesso mais fácil, boas pedidas são a Cachoeira do Filó, a Cachoeira Diquadinha, o Poço Dourado, a Cascata Eco Parque e a Cachoeira Lagoa Azul. Todas são ideais para os turistas que não querem muita complicação e procuram apenas um bom banho sem trilha a ser percorrida. 

Se a ideia for investir em um passeio, prefira roteiros que levam a lugares onde um veículo 4x4 é obrigatório ou altamente recomendável, como a Pedreira Lagoa Azul, onde poços de água transparente surgiram após a exploração de minérios na região; o Morro do Chapéu, de onde se tem lindo visual para toda a região de Capitólio; e também as Cachoeiras Retiro Viking (quando estivemos por lá a estrada estava boa) e a Cachoeira Fecho da Serra, que têm acesso bem complicado para carro comum, especialmente em dias de chuva.

Com mais tempo na região de Capitólio já vale experimentar passeios também para a Serra da Canastra. A região é conhecida pela produção do maravilhoso queijo canastra e também pelo Parque Nacional da Serra da Canastra, onde está a nascente do Rio São Francisco e a grandiosa Cachoeira Casca d’Anta. Para conhecer mais sobre a produção artesanal de queijo canastra, não deixe de visitar alguns produtores da região, especialmente os que oferecem vivências, almoços e degustações, além de um maravilhoso papo!

Não há grandes atrativos turísticos no centro da cidade de Capitólio, mas vale uma voltinha pela Lagoa de Capitólio, onde está a Capitart – Associação de Artesãos e Produtores Caseiros de Capitólio; pela Igreja Igreja de São Sebastião, onde acontece a Feirinha de Capitólio; e também pelo bairro Escarpas do Lago, localizado à beira do Lago de Furnas e onde está a maior concentração de mansões e casas de luxo da região. Com sorte, você ainda poderá curtir também a noite de Capitólio, que em dias de maior movimento recebe grandes shows. Os espetáculos atraem muitos visitantes e podem até mesmo ser considerados atrações turísticas de Capitólio. Se a ideia é descansar e fugir do movimento, melhor deixar a viagem para períodos fora de férias e feriados prolongados. Veja mais sobre quando ir a Capitólio.

Tudo que você precisa saber sobre Capitólio!

Esse texto sobre Pontos turísticos de Capitólio faz parte do guia de Capitólio no Melhores Destinos

Comentários para Pontos turísticos de Capitólio

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.