O que fazer em Montreal

Montreal oferece muitas atividades para fazer e vários pontos turísticos a serem visitados. Ela é a segunda maior cidade do país e é um lugar muito querido, tanto pelos estrangeiros quanto pelos próprios canadenses. 

Para começar o passeio na cidade, a melhor ideia é visitar Old Montreal (Vieux Montreal em francês ou a Velha Montreal para nós, brasileiros). Essa região antiga da cidade concentra vários pontos turísticos e é um emaranhado de vias charmosas, com edifícios antigos e de pedra, lojinhas e restaurantes com mesas na rua — andar por essa região é, certamente, uma atividade imperdível na cidade. 

Comece sua programação visitando a basílica Notre-Dame de Montreal, um dos principais pontos turísticos da cidade. A basílica tem um altar enorme e impressionante, se você não a conhecer por dentro, o passeio não estará completo. Ela também tem um show noturno chamado AURA que é imperdível! Depois de visitar a Basílica, siga caminhando pela rue (rua) St Paul, uma das mais lindinhas da cidade, cheia de lojinhas de lembranças, restaurantes e bares, e vá até a Place de Jacques Cartier, um dos points de Montreal. Nos arredores dessa praça, fica o Hôtel de Ville de Montreal (prefeitura), o Château Ramezay e o Old Port/Vieux-Port, um lugar belíssimo e imperdível. A região do antigo porto de Montreal é onde fica o Centre de Sciences (Museu de Ciências) e onde ocorrem festivais ao longo do ano — o local tem um ótimo parque para fazer um piquenique nos dias quentes.

Place-jacques-cartier

A partir do Old Port, você pode pegar um barquinho para ir até a Île de Saint-Helene e Île Notre-Dame que ficam no rio Saint Laurent. Essas ilhas são ideais para quem quer passar um dia ao ar livre, pedalar ou fazer um piquenique. Nas ilhas, ficam o Parc Jean-Drapeau, que é indicado para andar de bike, o parque de diversões La Ronde e a Biosphère, um museu sobre o meio ambiente, mudanças climáticas e suas consequências no mundo. O cassino de Montreal e o circuito Gilles Villeneuve, onde acontece o Grand Prix de F1 do Canadá, ficam na ilha Notre-Dame. 

Um outro ponto turístico imperdível é o Mont-Royal, um morro que oferece um vista panorâmica lindíssima da cidade e que os moradores utilizam para praticar caminhadas e corrida. É provável que a cidade se chame Montreal por causa desse morro. Também vale muito a pena conhecer a Place des Artes, coração artístico da cidade, e seus arredores, o maravilhoso mercado de comidas Jean-Talon, onde você pode experimentar frutas frescas, e o RÉSO, a cidade subterrânea de Montreal, que tem lojas, centros comerciais e está ligada ao metrô. 

Parque Olímpico

Construído para os jogos Olímpicos de 1976, o Parque Olímpico de Montreal rende, facilmente, um dia de passeio. Depois das competições, o lugar se tornou uma atração turística da cidade e tem pontos legais para visitar, como o estádio Olímpico, a Torre de Montreal, que é a torre inclinada mais alta do mundo, o planetário, um belíssimo jardim botânico e o Biodôme, uma atração fantástica par crianças, que reproduz ecossistemas de algumas partes do mundo. 

Basilique-notre-dame Oratoire-saint-joseph-saint-joseph-s-oratory Cathedrale-marie-reine-du-monde Cathedrale-marie-reine-du-monde Basilique-notre-dame

Igrejas

Montreal, que tem como apelido “a cidade dos santos", é uma cidade de muitas igrejas antigas e, para quem gosta de arquitetura ou é religioso, visitá-las tem um gosto especial. A cidade tem tantas igrejas e templos religiosos que é até difícil escolher quais deles visitar; nossas sugestões de passeio são: a basílica Notre-Dame (imperdível), o Oratoire Saint-Joseph, com uma construção gigantesca, a Catedral Marie-Reine-du-Monde e a basílica Saint-Patrick.

  • Basilique-notre-dame

    Basilique Notre-Dame de Montréal

    Nota:  de 10 (0)

    A Basílica Notre-Dame de Montreal é uma das construções mais incríveis da cidade e não deve ficar de fora do seu roteiro. Não é preciso ser religioso para apreciá-la, ela é uma das principais igrejas de Montreal (e são muitas!) e é dedicada à Virgem Maria.

    A construção...

  • Basilique-saint-patrick

    Basilique Saint-Patrick

    Nota:  de 10 (0)

    Aberta em 1847 para atender aos imigrantes irlandeses, a Basilique Saint-Patrick é dedicada a São Patrício, santo adorado pelos moradores desse país. Ela é um dos monumentos históricos da província de Quebec e tem milhares de trevos na sua decoração. Seu pé direito alto é sustentado por...

  • Biodome-de-montreal

    Biodôme de Montréal

    Nota:  de 10 (0)

    O Biodôme é um espaço de Montreal que reproduz 5 ecossistemas diferentes e que permite aos visitantes ter a sensação real de estar em cada um desses lugares. Os espaços são divididos em Floresta Tropical, Floresta de Bordo, Ilhas Sub-Antárticas, Costa de Labrador e Golfo de St Lawrance; como em cada um desses lugares a...

  • Biosphère

    Nota:  de 10 (0)

    Localizado na ilha Saint-Hèléne, o Biosphère é um museu muito peculiar, voltado para temas ligados ao meio ambiente, mudanças climáticas e suas consequências no mundo. O local chama atenção mesmo de longe, pois o edifício do museu está cercado por uma enorme estrutura metálica, que se parece...

  • Boulevard Saint-Laurent

    Nota:  de 10 (0)

    A Boulevard Saint-Laurent, conhecida também como The Main, é um dos principais locais para aproveitar a vida noturna em Montreal. A via reúne algumas das melhores boates da cidade e fica lotada nos fins de semana. São vários clubs, bares e restaurantes próximos uns aos outros, então o movimento durante a noite é bem...

  • Casino de Montréal

    Nota:  de 10 (0)

    Para aproveitar a vida noturna ou mesmo se divertir durante o dia, o Cassino de Montreal, que fica no parque Jean-Drapeau, é uma das boas opções que a cidade oferece. O lugar fica aberto 24h, tem bares, restaurantes e vários andares com jogos, onde você pode apostar seu dinheiro e, quem sabe, voltar do Canadá um pouco mais abastado....

  • Cathedrale-marie-reine-du-monde

    Cathédrale Marie-Reine-du-Monde

    Nota:  de 10 (0)

    Construída no final do século XIX, a catedral Marie-Reine-du-Monde foi inspirada na basílica de São Pedro, em Roma, e é a sede da arquidiocese de Montreal. A construção tem 101 metros de comprimento, 77 metros de altura e uma enorme cúpula com 23 metros de diâmetro. A catedral fica no centro da cidade e, por ter...

  • Centre Bell

    Nota:  de 10 (0)

    Se você está familiarizado à cultura canadense, deve saber que os nativos desse país são loucos por um esporte que ainda não é muito popular no Brasil, o hóquei! Para quem visita Montreal, ir ao Centre Bell é uma excelente oportunidade de ter mais contato com o esporte e assistir a uma das calorosas partidas....

  • Centre-des-sciences-de-montreal

    Centre des Sciences de Montréal

    Nota:  de 10 (0)

    O Centro de Ciências de Montreal está localizado no antigo porto da cidade, às margens do Rio Saint-Laurent, e reúne atrações científicas e interativas, jogos virtuais, experimentos e exibições que as pessoas podem participar de maneira mais intensa, clicando em botões e observando as reações...

  • Chapelle Notre-Dame-de-Bon-Secours

    Nota:  de 10 (0)

    A capela Notre-Dame-de-Bon-Secours, localizada na Velha Montreal, é considerada uma das igrejas mais antigas da cidade. Pequena, ela foi construída — entre 1171 e 1773 — onde antigamente ficava outra capela que foi destruída por um incêndio (diversos monumentos canadenses foram destruídos por incêndios). Frequentada por...

  • Cirque du Soleil

    Nota:  de 10 (0)

    O mundialmente conhecido Cirque du Soleil é uma companhia de circo que tem uma megaprodução e espetáculos sensacionais. A companhia é de Montreal, então, uma visita à cidade é uma excelente oportunidade para assistir a um dos espetáculos, que são itinerantes e rodam o mundo levando alegria. 

    Cada...

  • Marche-bonsecours

    Marché Bonsecours

    Nota:  de 10 (0)

    Principal mercado público de Montreal por mais de 100 anos e durante 25 anos sede da prefeitura, o Marché Bonsecours foi inagurado em 1847 e é considerado um dos mais belos edifícios históricos do Canadá. Localizado na Velha Montreal, ele chama atenção por sua arquitetura majestosa e pela enorme abóbada prateada...

  • Marche-jean-talon

    Marché Jean-Talon

    Nota:  de 10 (0)

    O Marché Jean-Talon, ou Mercado Jean-Talon, é um dos mercados mais legais de Montreal e visitá-lo vale muito a pena. O mercado funciona desde a manhãzinha e é bastante frequentado pelos montrealers para fazer suas compras semanais.  

    O local tem frutas, verduras, produtos naturais, flores e uma área dedicada a produtos de...

  • Musee-d-art-contemporain-de-montreal-mac

    Musée d'art contemporain de Montréal (MAC)

    Nota:  de 10 (0)

    Aberto ao público em 1965, o Museu de Arte Contemporânea de Montreal foi um dos primeiros espaços no Canadá dedicado à arte contemporânea.

    O local foi criado pelo governo de Quebec, que, estimulado pelo trabalho de artistas locais, viu a necessidade de reunir obras de artistas canadenses e começar sua própria...

  • Musee-des-beaux-arts-de-montreal-mbam

    Musée des beaux-arts de Montréal (MBAM)

    Nota:  de 10 (0)

    O Museu de Belas Artes de Montreal é um templo das artes e certamente um lugar imperdível para quem gosta de arte, design e história. Fundado em 1860, o lugar reúne o melhor da arte canadense, tem exposições com pinturas europeias, indígenas, salas com arte moderna, arte contemporânea, arte decorativa, fotografias,...

  • Oratoire-saint-joseph-saint-joseph-s-oratory

    Oratoire Saint-Joseph / Saint Joseph's Oratory

    Nota:  de 10 (0)

    O oratório Saint-Joseph é mais um dos templos religiosos de Montreal que merece uma visita. Construído em homenagem a St Joseph, ele surpreende pelo tamanho gigantesco. O lugar recebe mais de 2 milhões de visitantes por ano. Idealizado por irmão André em 1904, a basílica foi aberta oficialmente em 1956 e sua...

  • Parc-du-mont-royal

    Parc du Mont-Royal

    Nota:  de 10 (0)

    Um dos maiores símbolos de Montreal e que possivelmente originou o nome da cidade, o Mont Royal é um dos principais pontos turísticos da cidade e oferece atividades diferentes no inverno e no verão. O parque fica num morro bastante utilizado pelo moradores da cidade para praticar exercícios, como caminhada e corrida, e no inverno, o esqui...

  • Parc Jean-Drapeau

    Nota:  de 10 (0)

    O Parque Jean-Drapeau ocupa duas ilhas no Rio Saint-Laurent, a ilha Saint-Hélène e a ilha Notre-Dame, e o fato de sua localização ser no meio de um rio, por si só, já o torna bastante especial. O parque é enorme e tem diversos pontos de interesse, a começar por sua área verde, que é ótima para...

  • Parc-la-fontaine

    Parc La Fontaine

    Nota:  de 10 (0)

    Localizado no Plateau-Mont-Royal, o Parque de la Fontaine é um espaço público com muitas árvores, áreas gramadas, vários esquilos ao longo do caminho e um lago que fica congelado no inverno. É uma boa opção de passeio na cidade para quem procura um lugar tranquilo para descansar ou fazer exercícios...

  • Tour-de-montreal-montreal-tower

    Tour de Montréal / Montreal Tower

    Nota:  de 10 (0)

    A Torre de Montreal (Tour de Montréal, em francês) faz parte do parque olímpico, construído para os jogos de verão de Montreal em 1976. Com 165 metros de altura, ela é considerada a torre inclinada mais alta do mundo, tem 45º de inclinação, enquanto a famosa torre de Pisa tem apenas 5º. Por ser muito...

  • Vieux-montreal-old-montreal

    Vieux-Montréal / Old Montreal

    Nota:  de 10 (0)

    Vieux-Montréal, ou Old Montreal, é a parte mais antiga da cidade de Montreal e onde a ocupação da cidade se iniciou. O lugar é uma simpatia, supercharmoso, preserva muitos edifícios antigos, tem ruas de paralelepípedo e é ótimo para hospedagem, pois sua localização é privilegiada e...

  • Vieux-port-de-montreal-old-port-of-montreal

    Vieux-Port de Montréal / Old Port of Montreal (Vieux-Port de Montréal)

    Nota:  de 10 (0)

    Chamado de Vieux-Port em francês e de Old Port em inglês, o antigo porto de Montreal é hoje uma área de lazer que ocupa mais de 2 km às margens do Rio Saint-Laurent. Antigamente, o local era um ponto de carga e descarga de embarcações e hoje em dia é um ponto turístico histórico imperdível.

    A...

  • Ville-souterraine-underground-city

    Ville Souterraine / Underground City

    Nota:  de 10 (0)

    A cidade subterrânea de Montreal, conhecida como ville souterraine, em francês, underground city, em inglês, ou ainda RÉSO (nome oficial), é um dos maiores complexos subterrâneos do mundo. A cidade subterrânea tem cerca de 32 km de extensão e interliga diversos shoppings, escritórios, hotéis,...

Tudo que você precisa saber sobre Montreal!

Esse texto sobre O que fazer em Montreal faz parte do guia de Montreal no Melhores Destinos

Comentários para O que fazer em Montreal

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.