Namíbia

O que fazer e planejamento da viagem para a Namíbia

Embarcar para a Namíbia é um delicioso desafio para os apaixonados por viagem. A grande dimensão do país torna irresistível e impossível não percorrer várias regiões. As atrações estão espalhadas por todo o território e a viagem será daquelas que exigem organização, muita pesquisa e paciência para montar um roteiro que se adapte aos dias, dinheiro e desejos de cada um. É preciso ter em mente que a viagem para a Namíbia pode durar de três dias a um mês, depende do seu interesse, de quais atrações gostaria de visitar e quanto tempo pretende curtir cada uma delas. Correria não combina com a Namíbia. Viajar pelo país exige calma e centenas de quilômetros de estradas em deslocamento. Não tenha pressa e curta cada segundo dessa viagem inesquecível!

Namibia

O primeiro passo antes de embarcar para a Namíbia será definir quando você quer visitar o país. Entre a alta e a baixa temporada, há diferenças significativas de clima, preços e número de visitantes. Para ter certeza de viajar na época que mais combina com os seus planos, veja quando ir à Namíbia.

Decidido o período da viagem, você poderá escolher entre passar os dias no país com um safári ou em self drive. O safári nada mais é que uma excursão em grupo, em que tudo já está organizado e pré-definido. Já no self drive você será o motorista e responsável por toda viagem, mas é possível também contratar um serviço que irá oferecer o roteiro pronto, todas as hospedagens reservadas e você terá apenas que seguir o percurso. Um ponto fundamental para quem escolhe o safári é casar a data de embarque com a partida de um dos safáris. Para te ajudar na escolha do tipo de viagem, veja mais no post sobre safáris e self drives na Namíbia

Damaraland

Escolhido entre safári e self drive, será necessário decidir as hospedagens. E elas serão muitas a depender do roteiro e quantidade de dias da viagem. É impossível ter apenas uma cidade base e será necessário trocar de hospedagem algumas vezes. Há dois tipos principais de hospedagem na Namíbia: lodges e campings. Os lodges funcionam como hotéis e oferecem serviços mais requintados, ambiente confortável e, o principal, quartos de verdade. Já os campings são áreas com banheiro, cozinha e outras amenidades destinadas a turistas que viajam com a própria barraca. O custo, é claro, é bem mais alto entre os lodges. Porém quem opta por se hospedar em campings terá que se preocupar com detalhes que não importarão aos que se hospedam nos lodges, como barraca, saco de dormir, luzes e até um fogareiro.

Namibia

A escolha entre lodge e camping vai depender do orçamento disponível e do grau de contato com a natureza e aventura desejada. Os dois tipos de hospedagem são excelentes e a oferta é grande no país. Veja mais sobre lodges e campings na Namíbia para entender como cada um deles funciona, como fazer as reservas e algumas opções nos destinos mais populares entre os viajantes no país. Vale dizer que mesmo quem optar por um safári poderá escolher entre lodges e campings, por isso é importante conhecer os dois para decidir.

Depois de escolher o tipo de viagem (safári ou lodge) e hospedagem, é hora de começar a montar o roteiro. O primeiro passo será definir quais atrações da Namíbia você gostaria de conhecer. Claro que o número de dias disponíveis para a viagem e o orçamento serão de grande importância neste momento, mas o principal é ter em mente as prioridades. Como as Namíbia é muito grande, o mais provável é que entre uma e outra atração seja necessário fazer uma parada. E nessas paradas é sempre possível conhecer outras atrações.

Etosha-national-park

O ponto de partida de um roteiro pela Namíbia será a capital Windhoek, onde está o Aeroporto Internacional Hosea Kutako. O ideal é montar um roteiro circular, que volte ao final da viagem para a mesma cidade, de onde partirá o voo até o Brasil. Os safáris saem sempre da capital Windhoek e lá também estão as locadoras de carro para quem vai realizar a viagem em self drive. Veja mais em como chegar à Namíbia.

Algumas atrações da Namíbia podem ser visitadas rapidamente e são bons pontos de passagem durante a viagem, outras exigem dois ou três dias para que sejam curtidas com calma. Distâncias com mais de 500 km não são recomendadas para serem percorridas em um mesmo dia e o ideal é encontrar um ponto de interesse no meio do caminho para descansar. É importante ainda levar em consideração o horário de funcionamento dos parques e atrações, para não chegar após o fechamento das portas ou perder um game drive que aconteceria só no início da manhã. Na hora de montar o roteiro, fique atento aos locais que exigem, no mínimo, um dia inteiro (ou seja, acordar já no local) para serem visitados, como: SossusvleiEtosha National Park, Fish River CanyonWaterberg Plateau ParkDamaraland e as vizinhas Swakopmund e Walvis Bay.

Fish-river-canyon-e-deserto-do-kalahari

Ao montar um roteiro pela Namíbia, selecione no mapa os principais pontos de interesse, calcule a distância e tempo de deslocamento entre eles e avalie se será necessária uma parada estratégica no meio do caminho. Um roteiro circular funciona bem! Vale, por exemplo, sair de Windhoek rumo ao sul da Namíbia para ver o Fish River Canyon, com parada no Deserto do Kalahari. Depois, subir pela costa passando por LuderitzKolmanskopSossusvleiSwakopmund e Walvis Bay. Ao final, no caminho para o Etosha, visitar algumas atrações de Damaraland e a Tribo Himba da região. A ordem inversa também funciona! Para saber mais sobre o que visitar no país, veja o post com os pontos turísticos da Namíbia.  

Luderitz-e-kolmanskop

Para fazer as principais atrações (e estamos deixando de fora o Norte da Namíbia, que é mais difícil de ser visitado e raramente entra nos roteiros comuns), serão necessários ao menos 15 dias, mas com uma semana já será possível curtir o Etosha, Sossusvlei e Swakopmund, as três principais atrações do país. Quanto mais tempo, mais você poderá conhecer e com muito mais calma.

Sem esquecer que os viajantes que escolherem fazer um safári também precisam estar atentos aos roteiros oferecidos para ter certeza de que conhecerão tudo o que gostariam. Os safáris têm roteiros que variam de dois a 30 dias e podem até incluir outros países, como África do Sul, Botswana e Zâmbia, com uma visita a Victoria Falls. Veja mais sobre as opções de safáris e como eles funcionam.

Etosha-national-park

Escolhido o roteiro, será necessário fazer todas as reservas de hospedagem. E essa parte, apesar de ser delicioso ver os maravilhosos lodges e campings, pode ser a mais complicada de toda a organização. Quem contratou um safári precisará apenas decidir entre camping e lodge. A empresa responsável fará todo o resto. O mesmo vale para quem contratou um roteiro de self drive. Tudo já estará reservado e organizado. Mas quem vai viajar por conta própria certamente passará alguns apertos. O contato com as hospedagens nem sempre é rápido e muitas vezes o pagamento é antecipado e por sistemas pouco confiáveis. Em alguns casos, há o pedido do número do cartão de crédito, em outros, o pagamento é realizado por transferência internacional e quase nunca é possível acertar a conta ao chegar na hospedagem. Fique atento para evitar fraudes com cartão de crédito. É possível também chegar nos campings sem reservas e tentar vaga na hora, mas não recomendamos isso na alta temporada e nem em lugares disputados, como Etosha e Sossusvlei. 

Sossusvlei-e-sesriem

Com tudo organizado, é hora de embarcar! Aproveite cada minuto das espetaculares paisagens da Namíbia, registre todos os momentos em belas fotos, encante-se com os grandes animais e a cada pôr do sol. Sim! A Namíbia é desses lugares onde o pôr do sol é sempre espetacular. Contudo, antes de ir, dê uma olhadinha também em como se locomover pela Namíbiaonde comer, além de dicas sobre dinheiro e segurança.   

  • Caprivi

    Nota:  de 10 (0)

    A paisagem da Faixa de Caprivi (Caprivi Strip) destoa de toda a Namíbia. Repleta de água e muito verde, esta região no noroeste do país oferece, em 450 km de extensão, cenários que se parecem muito mais com os vizinhos Zâmbia, Zimbábue e Botswana do que com a Namíbia. Conhecida atualmente como Zambezi, a...

  • Damaraland

    Damaraland

    Nota:  de 10 (0)

    A região de Damaraland é marcada por grandes cenários rochosos. Localizada entre a costa da Namíbia e o Etosha National Park, a área é um bom ponto de parada para quem está se deslocando entre as duas regiões. Além das grandiosas paisagens e montanhas à beira da estrada, Damaraland é também...

  • Etosha-national-park

    Etosha National Park

    Nota:  de 10 (0)

    O Etosha National Park é o principal destino da Namíbia para quem deseja ver animais selvagens. São mais de 22 mil km² de área onde vivem, em total liberdade, leões, leopardos, chitas, elefantes, rinocerontes negros e brancos, girafas, zebras, kudus, órixes, hienas e, em fartura, os simpáticos spingboks e steenboks,...

  • Fish-river-canyon-e-deserto-do-kalahari

    Fish River Canyon e Deserto do Kalahari

    Nota:  de 10 (0)

    Localizado no extremo sul da Namíbia, o Fish River Canyon é uma das mais belas paisagens naturais do país. Visitar o lugar significa chegar à ponta da Namíbia e passar por áreas bastante isoladas e praticamente sem ninguém. O desafio se torna recompensador logo que os viajantes se deparam com a imensidão do...

  • Himba-village

    Himba Village

    Nota:  de 10 (0)

    Originalmente da região norte da Namíbia, na fronteira com a Angola, o povo himba pode ser visto em vários locais do país. Com traços e hábitos muito característicos e particulares, é fácil identificar um himba na rua. Porém, para conhecer de perto a cultura daquele povo e as tradições que...

  • Luderitz-e-kolmanskop

    Luderitz e Kolmanskop

    Nota:  de 10 (0)

    A cidade de Luderitz é marcada pelo período do auge da exploração de diamantes no país na primeira metade do século XX. Com traços da arquitetura germânica, Luderitz ainda é pouco explorada pelos visitantes, porém é lá onde está uma das mais interessantes atrações do...

  • Sossusvlei-e-sesriem

    Sossusvlei e Sesriem

    Nota:  de 10 (0)

    As árvores petrificadas em meio às dunas avermelhadas do Deserto da Namíbia estão entre as imagens mais espetaculares — e famosas — do país. A região, chamada de Sossusvlei, reúne algumas das mais belas e inesquecíveis paisagens da viagem. Considerado o mais antigo deserto do mundo, o Deserto da...

  • Swakopmund-e-walvis-bay

    Swakopmund e Walvis Bay

    Nota:  de 10 (0)

    Balneário dos moradores da Namíbia, a região costeira entre as cidades de Swakopmund e Walvis Bay atrai pelas espetaculares paisagens que unem o Deserto da Namíbia ao Oceano Atlântico. Sob influência da corrente de Bengela, Swakopmund e Walvis Bay oferecem paisagem e vida bastante diferente do encontrado em Sossusvlei ou Etosha...

  • Waterberg Plateau Park

    Nota:  de 10 (0)

    O grande platô cercado de verde é uma cena rara entre as atrações mais populares da Namíbia. A paisagem tem mata fechada e nem parece estar em meio a dois desertos. Waterberg é destino para quem busca belas paisagens e contato mais direto com a natureza e os animais. E quando dizemos mais direto, queremos dizer que, de fato, é...

  • Windhoek

    Windhoek

    Nota:  de 10 (0)

    A capital Windhoek é ponto de passagem obrigatório para quem viaja de avião até a Namíbia. Na cidade, está localizado o Aeroporto Internacional Hosea Kutako, as locadoras de carro e o ponto de partida da maioria dos safáris que percorre a Namíbia. Windhoek é uma cidade bem grande para os padrões do...

Tudo que você precisa saber sobre Namíbia!

Esse texto sobre O que fazer e planejamento da viagem para a Namíbia faz parte do guia de Namíbia no Melhores Destinos

Comentários para O que fazer e planejamento da viagem para a Namíbia

Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.