gelcius
gelcius

  1. Avaliações de San Andrés Missing gelcius
    porto alegre - RS há mais de 2 anos
    10,0
    Bom

    A Ilha de San Andres foi nossa primeira experiencia no caribe. O preço é bem em conta. Quem quer economia é boa pedida, para os mais sofisticados não recomendo. A ilha tem o mar de 7 cores, tem praias e ilhotas maravilhosas, o centro bem comercial com free shops. O restante da ilha é pobre, mas com pessoas que estão sempre sorrindo e levando uma vida bem tranquila e feliz. A gastronomia é uma loucura tem pra todos os preços é só caminhar um pouco que encontra de tudo. Fizemos alguns passeios que indico: o da Jhonny Cay, lindo local com iguanas ao ar livre e no trajeto para lá se vê todas as 7 cores do mar. O segundo passeio foi ao Aquario. Lá vimos peixes e as arraias. Existe um passeio direito para as arraias mas não indico porque é no mesmo local do Aquario e indo ali já é possível ver as arraias. Fizemos a volta na ilha em um ônibu turístico. Esse passeio nos mostrou a ilha como um todo. No trajeto o ônibus passa por pontos turísticos da ilha que não achei interessantes. Não indico gastar dinheiro na Cova do Morgan e nem no Ollho soprador, que é um buraco que toca água para cima, se você tiver sorte. Nós não tivemos. Tem também uma parada na Piscinita. Quem gosta de mergulhar é uma boa pedida. Como não nadamos, preferimos alimentar os peixes. Em San Andres tudo é perto. Caminhamos bastante e nos sentimos seguros sempre. Mesmo na madrugada tem o exército e a polícia na rua. Comemos no Titanic 2 no centro. Lá serve no almoço uma sopa de entrada e depois o prato de sua escolha com peixe, frango ou carne, acompanhados de arroz com coco, uma delicia e salada com valores entre 12 a 20 mil pesos por pessoa. Bem em conta. Bem na frente do Titanic 2 tem um bufett que não lembro o nome. Custa 17 mil pesos e lá servem galinha assada também. Fomos também no badalado La Regata. Foi o dia que gastamos mais e valeu a pena. Gastamos 55 mil pesos por pessoa. Comemos camarão e frutos do mar, uma delicia. Fomos num fast food chamado Presto, na praia de Spratt Bight estilo Mcdonald`s onde gastamos 25 mil pesos por pessoa. Fomos no passeio de barco chamado Noche Blanca, muito cuidado onde e com quem compram a entrada. Compramos de uma senhora na frente do local de saída, deixamos reservado o passeio que tem dança, musica e jantar a noite custo 90 mil por pessoa. Pagamos 20 mil pesos adiantado e no dia quase não embarcamos pois o responsável disse que não havia reserva em nosso nome. Tivemos que esperar todos entrarem para ver se sobrava lugar. Para nossa sorte sobrou lugar e podemos fazer o passeio. Foi uma noite agradável. Dancamos muito ao som dos ritmos latinos e drinques liberados. O jantar teve camarão, peixe e carne com salada bem simples mas muito saboroso. A bebida Coco loco não gostei muito, mas é muito famosa na ilha. Já a danceteria Coco loco fomos duas noites. Lá havia uma mistura de turistas e pessoas locais, músicas latinas do momento reggaeton, salsa, valenatto e algumas brasileiras. Tocou "Ahh lelek" estilo eletrônico na primeira noite, numa sexta-feira, festa nota 10! Todo mundo dançando, uma alegria. A entrada é barata, 15 mil pesos, a bebida é cara: refrigerante 12 mil pesos, cerveja 15 mil, outros drinks acima de 20 mil. Na segunda noite, no domingo, estava meio vazio o local e o DJ era outro que não ajudou muito, nota 7,0, mas valeu a pena demais. Curiosidades: A roupa branca equivale ao nosso pretinho básico. Parece noite de réveillon para nós. O aperto de mão é bem leve nada de ir apertando firme. Os carrinhos de golf estão muito velhos vimos vários quebrando no caminho. Os carrinhos maiores custavam 160 mil pesos para duas pessoas mais o combustível na hora de entregar o veículo. O trânsito é louco, muitas motos. Não tive vontade de andar naquele caos. Fomos a Rocky Cay de ônibus que custa 2,2 mil pesos. Lá se faz uma travessia a pé por dentro do mar, água até o pescoço para chegar na ilha. O táxi não tem taxímetro, mas fomos sempre bem atendidos e os preços foram justos. Nos programamos para gastar 200 mil pesos por dia, equivalente a mais ou menos 230 reais. Ficamos 13 dias no final de fevereiro. Em 3 dias estouramos o orçamento, nos demais sobrou dinheiro. Com o que sobrou fizemos compras no fim da viajem. Quem quer comprar malas, perfumes e roupas de cama la é o local ideal. Curiosidades: o banho é frio, mas o clima é sempre quente. Depois de uns 3 dias nos acostumamos. Mar calmo para quem não sabe nadar ou pretende levar crianças. Ficamos no hostel Acacias tree a uns 20 minutos do centro a pé. Curtimos cada momento na ilha. É indispensável comprar sapatilhas especiais para mergulho, pois as praias possuem muitas pedras e você pode machucar os pés sem elas. Não comprem no Brasil, deixem para comprar na ilha pois é muito mais barato e elas são vendidas em todos os locais, até na beira da praia. Elas podem ser encontradas a partir de 12 mil pesos. Outro item importante para aproveitar o passeio é o snorkel, pois com ele você conseguirá enxergar muitos peixes.

    Comentários da avaliação

    • 16143271102066931123263982472205079520349321n marcilene de oliveira há mais de 2 anos

      Meu DEUS deve ser incrível!
      Me tira uma dúvida, você foi com pacote completo de viagem ? Se sim. Qual a agencia?

    • Ppr4a Rômulo Mendes há quase 2 anos

      Descrição bacana!!! Top de linha

    • Missing lauro lima há quase 2 anos

      ola o snorkel tb vc aconselha comprar ou com passeios ja vem incluso ?

    Para comentar você precisa se cadastrar ou fazer login.